Boa noite, minha avó faleceu e ela recebia pensão vitalícia baseada na lei 3373/58 combinada com 6782/80. Uma parte era classificada como pensão civil e outra como pensão complementar. Ela adquiriu esse benefício com o falecimento do meu avô, pois ele era funcionário da União e a causa mortis se deu à exposição dele a certos tipos de fungo com que ele trabalhava. A minha dúvida é a seguinte: ela tinha apenas meu pai como filho, sei que ele não tem direito, mas será que esse benefício se estende a minha pessoa? Sou solteira e dependia financeiramente dela. Me informaram que eu teria direito a pensão complementar, e não a pensão civil. Gostaria de saber se isso é realmente possível. Atenciosamente, Angélica Quaresma.

Respostas

0

Essa dúvida já foi fechada, você pode criar uma pergunta semelhante.

Receba os artigos do Jus no seu e-mail

Encontre um advogado na sua região