QUEM FAZ ARTRODESE LOMBAR, TÉM DIREITO A APOSENTADORIA?

Ricardo Araújo perguntou Terça, 27 de janeiro de 2009, 12h30min

Fiz duas cirurgias de hérnia discal, sendo a 2ª uma artrodesi lombar nos seguimentos L4, L5, S1 no qual foram colocados 6 parafusos e duas prótesi de titânio. No momento tô no B91 e fui encaminhado ao centro de reabilitaçõa pela segunda vez. Qual a possibilidade de uma aposentadoria já que o médico que me operou me deu o laudo mim dando afastamento difinitivo da atividade profissional?

Certo que iram me responder.

Agradeço antecipadamente.                                  Ricardo Araújo.

Respostas

10

  • Altair_1

    Altair_1

    Ricardo, minha situação é similar a sua e tenho ouvido mil e umas sobre o assunto.
    Você já teve algum retorno?
    Estou com 02 meses de operado(Artrodese em L5 S1) e estou de licensa até o dia 31/05/09.
    Grato!

  • LILIA FERNANDA SCHIRMER

    LILIA FERNANDA SCHIRMER

    Já realizei três cirurgias de coluna ,sendo a última, artrodese lombar, após essa cirurgia, meu médico me indicou rolf( terapia de alinhamento corporal), antes das sessões de rolf não conseguia subir nem descer escadas entre outras coisas simples como caminhar mais que 500 metros, agora não necessito mais de opióides pra dor nem uso mais o meu colete, faz apenas nove meses da última cirurgia tô me sentindo ótima, não conheço ninguém que faz o que eu faço com a coluna após três operações, principalmente artrodese lombar, graças a cirurgia muito bem realizada pelo meu médico, que também me indicou rolf, porém acima de tudo Deus!
    Se alguém ainda sente muita dor como eu sentia, tentem a terapia de rolf, estou ótima, e meu médico está muito feliz com minha recuperação, pois nem ele imaginava minha recuperação tão depressa!! Não custa nada tentar! Ficar sem dor é maravilhoso, eu já nem sabia o que era não sentir dor, pois tenho problemas desde os sete anos, piorando na adolescência, hoje tenho vinte quatro, e quero muito voltar a trabalhar no que amo fazer, sou técnica em enfermagem,massoterapeuta e bombeira voluntária, estou muito feliz pois poderei voltar ao trabalho e conquistar tudo que sempre sonhei!! Lembre-se: NÃO CUSTA NADA TENTAR!1

  • carla  adriana de assis

    carla adriana de assis

    Descobri que tenho ( Artrodese em L5 S1) desde 2007, não consegui fazer a cirurgia, a previdência me concedeu o benefício de auxílio doença por 9 meses, depois foram sucessivos cortes. Desde então já tentei trabalhar mais a dor tem se tornado terrível, o último neurologista que consultei me recomendou RPG ou Hidroterapia e o uso de colete. Não pretendo fazer a cirurgia por enquanto, sendo que o médico não garantiu uma melhora. Tenho eu direito de recorrer ao auxílio ou uma futura aposentadoria, optando por não operar, sendo que não tenho condições para o trabalho.

  • jaqueline machado garbin

    jaqueline machado garbin

    Eu como meus colegas, passei por três cirurgias de coluna na última foram colocados seis parafusos e uma haste, agora descobri que tenho bursite no ombro direito, fiz uma cirurgia no punho direito por síndrome do túnel do carpo, tentei voltar trabalhar mas não aguentei de dor no braço e na coluna lombar, será que tenho direito a aposentadoria, pois foi me cortado o benefício de auxílio doença, preciso de ajuda.

  • Ellora

    Ellora

    Olá jaqueline - Acredito que vc deveria tentar novamente pedir o auxílio doença, pois para o inss a aposentadoria por invalidez vem depois do auxílio doença e precisa ser comprovada incapacidade laboral. Peça para seu médico, descrever sua incapacidade definitiva no laudo, junte seus exames, receitas e tudo que comprove seu problema. Acredito que para pedir aposentadoria direta só se entrar na justiça.
    Também tenho problemas de coluna e toda vez que passava pelo médico, pedia um laudo. Fiquei por três anos e meio em auxílio doença e agora em setembro fui aposentada. Não desanime, vc tem direitos. Não deixe o inss te vencer pelo cansaço.
    Boa sorte e fique com Deus!

  • Severiano Cardoso dos Santos Neto

    Severiano Cardoso dos Santos Neto

    Olá pessoal, fiz artrodese lombar com fixação de 04 parafusos,02 cordas e 02 extrusores,operei a mão esquerda devido a sindrome do túnel do carpo, severo a esquerda e media a direita ,tenho tendinopatia e bursite nos 02 ombros, tudo isso devido ao trabalho em linha de produção em 11 anos como operador automotivo e agora fui demitido com alegação pela empresa de baixo rendimento. Eu acredito que para uma pessoa que já passou por tantas operações e que tem sequelas atestadas pelos médicos do INSS fica impossível manter o mesmo ritmo de trabalho,também há mais de 06 anos espero que a justiça dê parecer a minha ação judicial contra o INSS e contra a empresa que só reconheceu ser problemas relativo ao trabalho depois que tive sentença favorável, mas a mesma recorreu. Agora, estou tentando voltar ao mercado de trabalho más com tantas dores e lesões fica difícil. Essa é a dura realidade de um trabalhador que sofre com Ler/Dort e não tem amparo. O que fazer?, A quem procurar?, cadê a justiça que não se pronuncia depois de provocada?, Isso só pode ser para fazer-nos disistir de nossos direitos. Esse é meu desabafo. E olha que sou reabilitado e certificado.

  • Ellora

    Ellora

    Olá zeca09 - Não. Fui aposentada pela perícia que fiz em setembro e peguei o mesmo perito que havia me dado R2 .Ele olhou meus novos exames e disse que iria me aposentar, quando peguei o papel realmente ele havia pedido a aposentadoria e depois de 11 dias chegou a carta de aposentadoria.
    E você como está seu benefício?

  • zeca09

    zeca09

    estou afastado pela justiça federal mais não sei até quando que bom que vc aposentou fico feliz por voce, abraços e fique com deus

  • Daniel Angelo

    Daniel Angelo

    Boa caras companheiros.
    Minha estória é igual a de todos, durante nov/12 bolsista de faculdade e celetista em empresa privada comecei a sentir dores terríveis no joelho esquerdo, durante a procura de vários ortopedistas sempre me dizendo para fazer fisioterapia, isto durou 4 meses, neste período eu não andava mais vivia com dores de querer cortar a perna forna.
    Vivia na cama sem perspectiva de nada, desiludido com a vida (depressão mesmo).
    Foi ao supermercado no final de Abril de 2013. Quando um moço me parou e perguntou o que você têm ?, eu respondi dizendo que não sabia mais o que fazer com as dores na perna esquerda, ele então me deu um telefone de um médico extraordinário fica o registro dele para quem necessitar deste HOMEM DE DEUS médico Dr. Cesar Augusto neurocirurgião (atende na rua Padre Adelino 2209 9º anda Tatuapé SP) Marquei a consulta e fui ao entrar na consulta, ao entrar na sala ele só me fez 2 perguntas e descobriu que não era o joelho (CUIDADO COM ORTOPEDISTAS) mas sim uma Hernia de Disco Lombar. Imediatamente pediu a ressonância em caráter de urgência, ficou pronto em 5 dias e telefonei para ele e li o laudo da ressonância, daí em diante ele já disse que era para ir direto para o hospital operar.
    Cirurgia realizada em 28/05/2013 Hospital São Camilo (Ipiranga SP)

    Desde então tenho feito Perícia Médica e estou sob Auxílio Doença, não estou sentindo mais dores minha perícia médica vence 26/06/2014.

    Pergunta:

    Não tenho casa própria, não tenho como comprar.
    Meu laudo é sob caráter indeterminado pois a hernia era muito grande e afetou os ossos ficando uma parte dela dentro da medula óssea.

    Volto ao mercado de trabalho e vivo a incerteza de alguma empresa me aceitar ? ou espero para ver o que vai dar e mudar para o final do Brasil achando que o auxílio doença que pode virar aposentadoria ou Não? Eu tenho apenas 32 anos casado com um filho de 9 anos.


    Espero poder ter ajudado alguém contando a minha vida

    Att.
    Daniel Angelo