Respostas

39

  • Advogado.Edson Cassimiro

    Caro edilson, Artrose, dependendo do estado em que esteja, pode ensejar aposentadoria por invalidez.
    Auxílio doença fica mais difícil,mas não impossível.

    Mas para que vc saiba, artrose tem cura sim.
    A despeito do que os médicos lhe disserem, tome todos os dias, 2 xícaras de café pequeno de cloreto de magnésio.

    Compre em qualquer farmácia, 33 gramas e dilua em água ( meia garrafa de 2 litros)

    Em mais ou menos 1 ano estará curado!!!!!!!!!!!!!!

    Pode acreditar.

    Qualquer dúvida :

    edsoncassimirorj@hotmail.com

  • edilson

    mas por favor quero saber como faço se nao consigo trabalhar devido as repuxações que sinto ao fazer esforço fisico devido a artrose na perna esquerda procuro o inss ou volto no ortopedista pra ele me dar algumas esperanças sobre afastar ou aposentar?
    mas desde ja agradeço ao seu email me dando respostas . obrigado

  • Advogado.Edson Cassimiro

    Vc tem que ir ao ortopedista para que ela faça a análise.

    Independente do que ele decidir, o médico perito vai avaliar!!!

    A3 despeito da análise do médico, vc é quem sabe da verdade.

    Se vc quer se aposentar convença ao menos seu ortopedista para que este lhe dê um laudo favorável à aposentadoria.De posse deste laudo, vc poderá ajuizar ação em face do INSS caso o médico perito resolva lhe dar auxílio doença somente.

    Ressalto que vc é muito novo para pedir aposentadoria.

    Sugiro que requeira auxílio doença mesmo.

  • R.A.B.F.

    Permitam algumas considerações!

    1- Artrose é um termo genérico, que define as alterações crônicas degenerativas e progressivas das articulações. Alguns fatores são determinantes para a sua ocorrencia, tais como: obesidade, traumatismos de repetição, hereditariedade, idade avançada e causas desconhecidas. Tratando-se de uma afecção degenerativa, surge por volta dos 50 anos, idade em que as articulações começam a apresentar sinais de desgaste e envelhecimento. O principal sintoma é a dor que se localiza nas articulações atingidas. O tratamento da artrose, consiste em dieta balanceada, exercicios de fisioterapia, medicamentos para controle do processo inflamatório e a dor. Em geral, tem bom prognóstico.

    2- Em relação à aposentadoria por artrose, isso do ponto de vista médico é muito dificel, pois a própria inatividade decorrente da aposentadoria piora os sintomas.

    Não acredito que o perito ou mesmo o Juiz possa apresentar alguem aos 39 anos com " artrose ". Auxilio doença, é possível, mas a pessoa não poderia estar desempregada, pois aí não necessitaria de repouso, o melhor é tratar de arranjar um emprego e caso ocorram complicaçãoes devidamente documentadas, aí sim, um auxilio para repouso temporário até a melhora dos sintomas.

    3- O cloreto de magnésio é um alimento, nunca um medicamento, o seu uso para a artrose é empírico e existem medicamentos e tratamentos fisioterápicos mais eficazes para a artrose.

    4- Agora, minha pergunta ao Dr. Edson Cassimiro:

    Os mandados de injunção só podem ser apresentados perante o STF ? O TJ não tem competencia para analisar MI ?

  • reginaldo mazzetto moron

    Edilson, muito bem colocadas as ponderações do colega carioca, pois artrose tem cura sim e não é muito dificil. Entendo eu, que nenhum perito do Juiz irá atestar sua total incapacidade para o trabalho, pois ele jamais atestará que a artrose não pode ser reabilitada, ainda mais, quanto a um jovem de 39 anos. Procure um médico especialista nesta área e faça bastante exercícios físicos que vc em breve estará curado. Abraços!

  • Advogado.Edson Cassimiro

    Caro Reginaldo, obrigado pelo apoio moral, pois como se vê acima, fui contestado, no entanto, como sempre digo, respeito opiniões diversas, porém, não entro em discussões desnecessárias, que por vezes se chega à agressão verbal.
    Digo e repito, parece muito fácil mas é a verdade, 2 xícaras de cloreto de magnésio por dia, são o suficiente para, no prazo de um ano, eliminar a artrose.
    Mas não quero discutir o mérito dessa questão, pois, certamente, serei críticado.
    Edilson, nãp se aposente agora, meu humilde conselho, requeira seguro saúde, para não perder tempo e para não se arrepender posteriomente.
    Atenciosamente .
    Edson Cassimiro

  • BYJARDEL

    ESTOU AFASTA SEGURO SAÚDE INSS HÁ 4 ANOS,2 CIRURGIAS DE ERNEAS DE DISCO NA LOMBAR,SENDO QUE A ÚLTIMA TIVE QUE REAPRENDER A MARCHA.ARTROSE NOS 2 JOELHOS,SINTO DORES POR TODO CORPO,NÃO CONSIGO NEM LAVAR UMA LOUÇA,MESMO FAZENDO REPOUSO TENHO TERRÍVEIS DORES.MEUS CABELOS CAEM EM TUFOS TODOS OS DIAS AO PENTEAR OS CABELOS,NO TRAVESSEIRO,NO CHUVEIRO.DEPOIS DE TANTOS ANOS DESENVOLVI SINDROME DO PANICO,TOMO REMÉDIOS DE PRESSÃO ALTA,DIABETES,E REMÉDIOS PARA CABEÇA(FENATIL>>ESTE TIROU TODO O MEU LIBIDO,DIAZEPAM PARA DORMIR,SERTRALIN>> ME SINTO BEM COM ELE),ESTOU PESANDO 142 KG NÃO POSSO TOMAR MAIS REMÉDIOS POIS OS QUE JÁ TOMO SINTO MUITAS DORES NO ESTOMAGO E DE VEZ EM QUANDO FICO COM MUITO MAL HALITO.SOU DA CAIXA DE PECÚLIO DE SANTOS/SP DEPENDENTE,JÁ GANHEI 2X NA JUSTIÇA PARA FAZER A CIRURGIA DE OBESIDADE,MAS ELES RECORREM,AGORA ESTÁ EM SÃO PAULO O CASO E NÃO SEI QUANDO SERÁ JULGADO NOVAMENTE,MESMO ASSIM FIZ UMA FICHA NO HOSPITAL DO MANDAQUI/SP,MAS NADA ATÉ AGORA.ME AJUDEM POIS MEU MARIDO É ESQUISOFRENICO E ME DÁ MUITO TRABALHO...FILHO É HIPERATIVO COM 9 ANOS OS 2 ESTÃO EM TRATAMENTO.
    EU NÃO SINTO QUE ESTOU VIVENDO MINHA VIDA E SIM A DE OUTRA PESSOA.......
    QUERO SABER SE CONSIGO ME APOSENTAR JÁ QUE SOU AUTONOMA E PAGAVA SÓ SOBRE UM MINIMO.

  • Advogado.Edson Cassimiro

    Olha Cassia, perdi até o folego.
    Como dizem os indianos: "ARE BABA".
    Eu porém lhe digo, o médigo deve te manter no seguro saúde, mas procure imediatamente uma igreja, de preferência evangélica, com corrente da libertação, pois seu caso é daqueles que, todos que porventura venham a ler, levantarão as mãos para o céu e agradecerão pela vida que têm.
    Dificilmente irão te aposentar, mas tudo é possível!!!!!!!!!!
    Vai depender de uma série de coisas, sobretudo a reversibilidade da doença, ou seja, qual é o grau de possibilidade de cura.Isso quase não é falado mas é requisito para a concessão de aposentadoria sim.Neste caso, vc apresenta problemas permanentes, mas que com o tempo, poderá se reverter.Artrose, érnia ( sobretudo com cirurgias já feitas ), síndrome do pânico, remédios para pressão e problemas com a família não são requisitos para aposentadoria direta, salvo se comprovadamente, ficar constatado a irreversibilidade da doença.
    Espero ter ajudado.
    Respeito opiniões diversas.
    Não participo de debates.
    Só exponho opiniões.