Ir direto ao conteúdo

Redes Sociais do Jus Navigandi

  1. Khalil
    01/03/2010 21:45

    Boa noite, estou com um problema de uma sociedade que foi feita no ano de 2000. A empresa não foi pra frente e gerou muitas dividas e começaram a chegar cobranças para mim sendo que não encontraram meu sócio no caso meu pai. Semana passada tive um bloqueio judicial na minha conta. Fui até a prefeitura de campo limpo pauslita aode foi aberta essa firma e vi que a divida está na caso dos 3.500,00 fora as da receita. Gostaria de saber como sair dessa sociedade sendo que não sei o paradeiro do meu sócio, o contador falo que precisa da presença dele para fazer uma alteração de contrato, mas como falei não aonde o sócio se encontra, ele sumiu com todos os documentos da empresa, talões de nota e tudo mais. Ele me coloco com 1% na sociedade mas como socio administrador e segundo informações respondo da mesma forma que ele, mas como não o encontraram estão atrás de mim. Não tenho como pagar essa divida, estou pagando por uma coisa que não fiz pois na epoca ele apenas uso meu nome para abrir a firma. Gostaria de saber se alguém pode me ajudar e se existe uma forma de me tirar dessa sociedade sem a presença dele ou se terei que entrar na justiça pra conseguir isso, pois estou com medo que novos bloqueios surjam na minha conta. desde já agradeço!
  2. Pedro Drudi
    16/06/2010 17:51

    Também estou com um problema parecido.
    Sou sócio da minha mãe no salão dela, possuo 20% da empresa (menos do que o capital que investi) e ela não tem administrado bem as contas. Agora fica exigindo que eu injete mais capital próprio e eu não quero. O pior problema é que algumas dívidas já foram pra protesto e por eu ser sócio meu nome fica constando no SERASA me impedindo de conseguir crédito onde quer que seja.
    Não conheço ninguém para comprar minha parte na empresa e não tenho como passar para o nome dela. Gostaria de saber como posso fazer para sair da sociedade sem autorização dela ou então obrigá-la a encontrar um comprador para as minhas cotas.
    Só entrei na sociedade para ajudá-la mas não quero assumir responsabilidade pela empresa nem faço questão de rentabilidade pela mesma.
  3. Adler Martins
    16/06/2010 18:57

    Caros amigos,

    Ambos podem retirar-se das respectivas sociedades. No caso do Sr. Khalil, talvez seja necessária uma ação judicial para suprir a falta do sócio que desapareceu. No caso do Sr. Pedro, podemos tentar uma composição amigável.

    Por favor enviem cópias do contrato social para adlermartins@gmail.com, a fim de que eu possa aconselhá-los com mais critério.

    Sempre ao dispor,

    Adler Martins
    adlermartins@gmail.com
    31 8772 0691
  4. Eder Nilson
    Este usuário conecta-se ao Fórum usando uma conta do Facebook. Veja como fazer isso.
    22/06/2014 18:43

    Oi, boa noite,
    Meu problema também é parecido, só que no meu caso a empresa foi aberta, está ativa mas sem movimentação e sem dívidas. Como eu disse a empresa está aberta desde 2007, a empresa é de São Paulo e eu moro em Fortaleza, e eu não tenho nenhum contato mais com o meu sócio. Detenho apenas 30% e não tenho direitos sobre nada na empresa. Quero muito sair dessa sociedade já faz algum tempo mais não sei o que fazer. Se os Srs. puderem me orientar ficarei muito grato.
  5. Dawidson
    18/07/2014 23:06

    Dúvida pertinente, acompanhando as respostas.

Participe do Fórum

Entre com seu cadastro do Jus Navigandi:

Esqueceu sua senha?

Não tem Facebook e quer participar do Fórum?

Faça perguntas, responda dúvidas e discuta assuntos jurídicos. É fácil e grátis!

JUS NAVIGANDI NAS REDES SOCIAIS