Ir direto ao conteúdo

Redes Sociais do Jus Navigandi

  1. JOSÉ DE BARROS AMORIM
    31/03/2010 12:52

    Contrai uma dívida com o Banco do Brasil (CDC e Cartão de Crédito), após pagar algumas mensalidades fui obrigado a parar por rasões financeiras, após parar de pagar recebi um comunicado do Banco me chamando para negociar a dívida, a negociação foi realizada em 28/08/2005, de acordo com o que o Banco impós. Valor da dívida R$ 17.835,22 em 48 prestações de R$ 705,88; após eu pagar 20 prestações que somou R$ 14.117,60; fiz uma carta ao Banco pedindo para encerrar minha conta corrente (o contrato permitia que isto fosse feito), por razões outras imposta pelo banco, mais ele não aceitou, me respondeu por telefone dizendo que não era possévil, apesar de que até hoje não me responderam oficialmente. Então eu parei de pagar em 08/06/2007, quando foi no final de Abril de 2009 recebi um comunicado dizendo que o meu nome iria ser colocado no SPC por intermedio da Ativos.S.A, que teria comprado a dívida do Banco do Brasil, após este comunicado a Ativos S.A entrou em contato comigo por telefone fazendo ameaças caso eu não pagasse a dívida o mais répido possível, então eu respodi que não tinha feito nem um negócio com eles e sim com o Banco do Brasil. Meu nome foi colocado no SPC em 02/05/2009. Desejo saber o prazo de 5 anos começa a contar a partir da data que eu assinei o contrato; da data que parei de pagar ou da data que eles me colocaram no SPC., como também se o que o Banco do Brasil fez foi correto vender a dívida sem me comunicar e por sua vez a Ativos S.A colocar o meu nome no SPC sem para isto propor um acordo. Por favor me indique a melhor forma para resolver este problema. antecipadamente agradeço.

Participe do Fórum

Entre com seu cadastro do Jus Navigandi:

Esqueceu sua senha?

Não tem Facebook e quer participar do Fórum?

Faça perguntas, responda dúvidas e discuta assuntos jurídicos. É fácil e grátis!

JUS NAVIGANDI NAS REDES SOCIAIS