Ir direto ao conteúdo

Redes Sociais do Jus Navigandi

  1. roferbar
    15/02/2011 07:49

    Por favor , gostaria de saber se a mãe compra um terreno em nome do filho menor e assina ela tambem tem direito de 50 por cento ou ele é o dono 100 por cento quando passar de maior? Obrigada
  2. Jaime - Porto Alegre
    15/02/2011 08:59

    Usuário suspenso

    roferbar,
    Sendo a compra feita em nome do filho, o imóvel é só do filho.
    Um abraço,
    Jaime
  3. roferbar
    30/07/2011 20:23

    Por favor, um terreno foi comprado em setembro de 1985, para o filho data de nascimento 1967, ou seja 18 anos, mas no contrado diz que a mãe assina por ele ser menor. Hoje a mãe diz que tem 50% porque também assinou e quer doar para outra filha esta parte. Gostaria de esclarecer esta dúvida ele era menor ou maior? A mãe tem direito ou somente o filho?
    Obrigada
  4. Alexandre - MS
    30/07/2011 20:47

    roferbar

    no ano de 1985 vigorava o antigo codigo civil (de 1916). nesta época a pessoa atingia a maioridde aos 21 anos.

    "Art. 9º. Aos vinte e um anos completos acaba a menoridade, ficando habilitado o indivíduo para todos os atos da vida civil."

    atualmente, a menoridade cessa aos 18 (CC/2002).

    se à epoca ele tinha 18 era menor, contudo, considerado relativamente capaz. O relativamente capaz é assitido por seu represente legal (pai, mae).

    Para solução de sua duvida basta analisar a matícula deste imovel. quem é apontado como proprietário? o filho, assistido pela mae, ou ambos são co-proprietarios?
  5. Jaime - Porto Alegre
    30/07/2011 20:50

    Usuário suspenso

    roferbar,
    O fato de a mãe assinar pelo filho não significa que ela seja também proprietária do imóvel. Provalmente ela tenha assinado como assistente do filho que na época era menor.
    Tem que sabe como constou na escritura e como está registrado. Se estiver registrado apenas no nome do filho, ela não é co-proprietária do imóvel.
    Há outros aspectos a serem analisados, pois pode haver implicações sucessórias.
    Um abraço,
    Jaime
  6. roferbar
    30/07/2011 21:15

    Obrigada pelas respostas só mais uma dúvida. Este terreno foi comprado em 1985 , foi dada uma entrada e mais 100 prestações. O filho se casou em 1989 em regime se comunhão parcial de bens. Quero saber se sua esposa tem algum direito pois juntos continuaram a pagar as prestações e impostos.
    Obrigada
  7. Alexandre - MS
    30/07/2011 21:20

    a esposa dele tem direito exatamente sobre as parcelas pagas durante a união.
  8. roferbar
    30/07/2011 22:30

    Por favor, se uma pessoa constrói uma casa no terreno de outra pessoa qual o direito que tem quem a construiu? Ela manda na casa ou são os dois?
    Obrigada
  9. Alexandre - MS
    31/07/2011 00:54 | editado

    mas porque essa pessoa vez isso? vivia em união estavel com o dono do terreno? era filho do dono do terreno?

    conte o caso que fica mais facil.
  10. roferbar
    31/07/2011 13:05

    A mãe comprou o terreno para o filho menor e tinha uma filha , depois de alguns anos ela se arrependeu e quiz passar metade para a filha, procurou um advogado e o mesmo falou que a mãe tinha o direito de 50% pq assinou no contrato de venda do mesmo. A filha se casou e a mãe ajudou a construir uma casa neste terreno. Agora ela e o marido dizem que são donos da metade. Quero saber qual o direito que eles tem por terem colocado dinheiro para a construção da casa. O irmão que é o proprietário acreditando nisto autorizou e também ajudou na construção.
    No contrado de compra e venda do terreno está dizendo assim: o comprador, menor representado por sua mãe... e os dois assinam
  11. Alexandre - MS
    31/07/2011 14:02

    nestes termos, o terreno realmente pertence ao filho, que apenas estava representado pela mae no ato da compra por se tratar de menor relativamente capaz.

    em consequencia, temos no caso a incidencia da previsao do art. 1.255 e Paragrafo Único do Código Civil quando alguem constroi em terreno alheio mas de boa-fé, ja que autorizado pelo proprietario. no caso, quem construiu perde o que fez em favor do proprietario MAS TEM DIREITO A SER INDENIZADO. essa indenização equivale a exatamento o valor gasto na obra.
  12. Edna Gomes
    Este usuário conecta-se ao Fórum usando uma conta do Facebook. Veja como fazer isso.
    15/05/2013 10:26

    Eu quero passar para meu filho de 10 anos, um bem imóvel - um terreno, mas se no futuro precisar vender o que tem que ser feito? Poderei vender antes dele completar a maioridade ou somente poderá ocorrer após?

Participe do Fórum

Entre com seu cadastro do Jus Navigandi:

Esqueceu sua senha?

Não tem Facebook e quer participar do Fórum?

Faça perguntas, responda dúvidas e discuta assuntos jurídicos. É fácil e grátis!

JUS NAVIGANDI NAS REDES SOCIAIS