Ir direto ao conteúdo

Redes Sociais do Jus Navigandi

  1. leliagama
    22/05/2011 00:27

    Sou professora, estatutária e trabalho há 7 anos.Dei entrada no DRH da Prefeitura Municipal da Serra para requerer licença luto em virtude do falecimento do meu sogro e o artigo preve 8 dias de licença.Ao terceiro dia, gozando deste direito recebi o telefonema do meu Diretor imediato afirmando que eu deveria retornar ao trabalho mesmo no estado em que eu me encontrava pois segundo ele e informação do DRH da Secretaria de Educação eu só teria direito há 2 dias.
    Então retornei ao trabalho e ao DSH achando que algum erro poderia ter acontecido e recebi a informação que teria realmente 8 dias e protocolei o pedido.Então minha chefia imediata respaldada na fala da Chefe dos Recursos Humanos da Secretaria de Educaç.
    ão afirmou que eu deveria seguir as orientações dela e não do DSH Geral.
    Indignada com a situação abri um processo administrativo contra a Secretaria de Educação e foi dado ganho de causa e poderei gozar do restante destes dias em qualquer tempo.
    Tal constrangimento que passei e tendo ido trabalhar a base de calmantes e outros pormenores me daria direito de receber indenização por danos morais .Como devo proceder?

Participe do Fórum

Entre com seu cadastro do Jus Navigandi:

Esqueceu sua senha?

Não tem Facebook e quer participar do Fórum?

Faça perguntas, responda dúvidas e discuta assuntos jurídicos. É fácil e grátis!

JUS NAVIGANDI NAS REDES SOCIAIS