Ir direto ao conteúdo

Redes Sociais do Jus Navigandi

  1. Ranayara
    19/08/2011 20:56

    Estou de licença maternidade, e voltarei a trabalhar no dia 06/09/2011. Mais desde ja, estou sofrendo ameaças de demição! A empresa q trabalho pode me demitir quando eu voltar? nao tem nada que mim assegure? ouvi de terceiros q eu teria uma ano de segurança na empresa, mais se mim demitirem o q devo fazer? q quanto tempo realmente eu deveria permanecer trabalhando se correr risco de demição?
  2. Adriana M Araujo
    19/08/2011 21:33

    Ranayara, após o seu retorno vc terá meses de estabilidade e até que a criança complete 6º mês vc tb tem direito 2 periodos distintos de 30 min para alimentação, 1 ano é para retorno de afastamento por doença ou acidente do trabalho.
  3. Ranayara
    20/08/2011 12:02

    muito obrigada, Adriana!!! foi muito util sua informação, obrigada mesmo... espero que mais pessoas tbm me respondam, para que eu mim sinta mais segura. obrigada
  4. Monalisa2
    20/08/2011 15:55

    "O artigo 10, II, "b" do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias da Constituição Federal/88 confere à empregada gestante a estabilidade provisória, desde a confirmação da gravidez até cinco meses após o parto. Após esse período, a empresa pode sim rescindir o contrato."

    Ou seja, a estabilidade são seus 120 de licença maternidade (a depender de sua empresa) + 30 dias.
  5. Monalisa2
    20/08/2011 16:01

    "O artigo 10, II, "b" do Ato das Disposições Constitucionais Transitórias da Constituição Federal/88 confere à empregada gestante a estabilidade provisória, desde a confirmação da gravidez até cinco meses após o parto. Após esse período, a empresa pode sim rescindir o contrato."

    Ou seja, a estabilidade são seus 120 de licença maternidade (a depender de sua empresa) + 30 dias.

Participe do Fórum

Entre com seu cadastro do Jus Navigandi:

Esqueceu sua senha?

Não tem Facebook e quer participar do Fórum?

Faça perguntas, responda dúvidas e discuta assuntos jurídicos. É fácil e grátis!

JUS NAVIGANDI NAS REDES SOCIAIS