União Estável x Esposa separada

Irene de Fátima perguntou Quarta, 28 de março de 2012, 23h43min

Meu companheiro há mais de 10 anos, é casado mas separado de fato há mais de 10 anos. Ele não quer separar oficialmente, mas quer me deixar segura no caso de falecimento dele. A esposa de fato tem um filho de 20 anos. Ele até quiz dar uma pensão alimentia pra mim, para em caso de falecimento eu poderia habilitar juntamente com a esposa. Isso seria valido, pois ele dar uma pensão pra ela amigavelmente. O que poderia para me amparar sem prejudicar a esposa não separada oficialmente.

Respostas

17

  • Adv. Antonio Gomes

    Esposa separada de fato legalmente não assiste direito receber pensão deixada pelo ex. Cabe o direito de receber pensão a companheira sobrevivente com a morte militar.

    Pode a ex esposa receber pensão junto com a companheira se e somente se houver sentença homologada decidindo sobre pesão alimentar.

    Procurar um advogado da área do direito de família para providenciar uma escritura de união estável pública, e o oferecimento de alimentos para ex-esposa do militar, e por fim, se necessário um testamento público.

    Att.

    Adv. Antonio Gomes

  • Irene de Fátima

    Pelo que eu entendi a esposa dele não terá direito a pensao dele, só eu. Então porque ele não pode me colocar como companheira se ele continua casado com ela. O simples oferecimento de pensão resolveria meu caso, podendo ele me colocar como companheiro oficialmente.???? Ele é militar da marinha segundo ele, ela terá direito a pensao todo, e eu entraria depois comprovando a união estavel. Assim ela não reseberá mais nada ou dividiria.?????

  • ericaanp

    Se ela provar que ainda depende financeiramente dele, voces duas dividirão a pensao por morte... caso contrário, somente voce terá direito..

    Faça com ele uma escritura pública de união estável no cartorio para assegurar seus direitos. Com essa escritura voce consegue entrar no plano de saude tambem.

  • Irene de Fátima

    Ele não pode fazer uma escritura publica de única estavel, estando casado, pois seria um crime de poligamial. Foi isto que no cartório falou.

  • Adélio Ribeiro

    Olá,
    Esclareçam me uma dúvida:
    Um homem, após o divórcio, vive em união estável há mais de 15 anos com outra mulher.
    O referido homem possui 01 apartamento que ficou exclusivamente para ele na separação. Os outros bens ficaram com a ex-mulher.
    O mesmo veio a falecer após 15 anos vivendo com a segunda mulher. Pergunta :
    A mulher com quem o homem viveu há mais de 15 anos, faz jus ao apartamento ??
    Ressalta-se que o apartamento foi adquirido antes da união estável e o homem tem 02 filhos com a mulher com quem foi divorciado.
    Aguardo resposta.

  • ericaanp

    Irene, ele ainda vive com a mulher com quem ele se casou de papel passado?? se a resposta for negativa, ele pode fazer a escritura, sim. Na escritura, constará que ele é separado de fato. O código civil ampara essa situação. Não é crime!

  • Irene de Fátima

    Então ele faz a escritura de união estável mas no Ministerio da Marinha não vão deixar ele colocar eu como companheiro porque ele continua casado. Este papel vai apenas me assegurar num futuro falecimento dele. E ela vai perder todos os direitos????

  • ericaanp

    Irene, quando fui morar com meu marido, ele era separado de fato, fizemos a escritura pública para ir morar na vila. O exercito aceitou o documento como legítimo.

    Quais direitos voce acha que ela vai perder???

  • Irene de Fátima

    Vocês já se casaram. Ou ainda assim até hoje?
    Os direitos de pensão num futuro falecimento ela dividira comigo ou eu ficarei com tudo.

  • ericaanp

    Não nos casamos.. Ele é meu companheiro de união estável...rss

    Muito provavelmente, voces dividirão a pensão, pois ela recebe pensão alimentícia dele...