Ir direto ao conteúdo

Redes Sociais do Jus Navigandi

  1. Adriana 2011
    01/02/2013 02:01

    ESTOU COM UMA DIVIDA.

    O FILHO DA MINHA VIZINHA FOI PRESO EM FLAGRANTE NO ARTIGO 155 ELE É REU PRIMÁRIO E TEM 18 ANOS.ELE JA TEVE 2 AUDIENCIAS, MAS A VITIMA NÃO COMPARECEU EM NENHUMA.A AUDIENCIA FOI REMARCADA SE A VITIMA NÃO COMPARECER NOVAMENTE ELE PODE SER ABSOLVIDO?

    OBRIGADA
  2. Vanderley Muniz - advocaciamuniz@yahoo.com.br
    01/02/2013 09:50

    Usuário suspenso

    SE A VITIMA NÃO COMPARECER NOVAMENTE ELE PODE SER ABSOLVIDO?

    Pode!

    Da mesma forma que pode ser condenado, a vítima não é a única prova em processo criminal.
  3. Consultor !
    01/02/2013 09:53

    Usuário suspenso

    ... se a vítima comparecer, tbém pode ser absolvido !!!

    ... Se ele confessar o crime (réu confesso), pode ser absolvido ...
  4. Vanderley Muniz - advocaciamuniz@yahoo.com.br
    01/02/2013 09:55 | editado

    Usuário suspenso

    Não mente pra consultora consultor, que coisa feia!!!
  5. Consultor !
    01/02/2013 09:59

    Usuário suspenso

    1. Vitima comparece e afirma q nao foi furtada;
    2. Acusado confessa sob ameaça, tortura ou para encobrir outros crimes/pessoas, ou seja, mentiu ao confessar !!!

    Para ficar só nesses dois exemplos !!!
  6. Vanderley Muniz - advocaciamuniz@yahoo.com.br
    01/02/2013 10:10

    Usuário suspenso

    Brincadeiras à parte: existe no projeto do novo código penal a previsão de extinção da punibilidade pelo ressarcimento da vítima caso ela aceite.
  7. Consultor !
    01/02/2013 10:20

    Usuário suspenso

    No Jecrim já é isso q acontece !!!
  8. .ISS
    01/02/2013 11:00

    Usuário suspenso

    é! e ele para ressarcir vai furtar outra casa! eita legislador brasileiro de merda!
  9. Adriana 2011
    01/02/2013 23:18

    obrigada

Participe do Fórum

Entre com seu cadastro do Jus Navigandi:

Esqueceu sua senha?

Não tem Facebook e quer participar do Fórum?

Faça perguntas, responda dúvidas e discuta assuntos jurídicos. É fácil e grátis!

JUS NAVIGANDI NAS REDES SOCIAIS