Ir direto ao conteúdo

Redes Sociais do Jus Navigandi

  1. fernando santtos
    27/09/2005 07:52

    Se um empregado é despedido sem justa causa, recebe somente o aviso prévio e a liberação do alvará para sacar o seguro desemprego, e depois do primeiro saque vai ao banco e lhe é informado que o empregado está reempregado e foi concelado o seguro, ou seja, recebeu somente a 1ª parcela do seguro. O que fazer. Obs. Para o mesmo não ficar sem receber verba nenhuma foi até o INSS e requereu auxílio doença sendo o mesmo concedido. Como fazer para interpor uma ação trabalhista nesse caso? O auxílio doença interrompe a prescrição?

  2. Wagner Santos de Araujo
    27/09/2005 10:50

    Mas ele está ou naõ reempregado?
    A prescrição conta a partir da demissão, sem interrupção ou suspensão.
    O benefício previdenciário impede o recebimento do Seguro Desemprego.

  3. carla grassi
    29/10/2005 18:45

    O governo não paga dois benefícios ao mesmo tempo. A partir do momento que você deu entrada no auxílio-doença seu seguro-desemprego fica bloqueado. Neste caso não cabe ação judicial. Quando o auxílio-doença for cessado, você pode ir à um posto do Ministério do Trabalho e dar entrada no recurso 801 para resgatar as parcelas que ficaram pendentes, para isso, terá que levar uma declaração do INSS constando a data da baixa do benefício.

Participe do Fórum

Entre com seu cadastro do Jus Navigandi:

Esqueceu sua senha?

Não tem Facebook e quer participar do Fórum?

Faça perguntas, responda dúvidas e discuta assuntos jurídicos. É fácil e grátis!

JUS NAVIGANDI NAS REDES SOCIAIS