Ir direto ao conteúdo

Redes Sociais do Jus Navigandi

  1. Cristiane
    16/11/2006 10:34

    "A" faleceu há 12 anos atras, não foi feito inventário. Sua esposa vem a falecer neste ano. Ao fazer o inventário conjunto o ITCMD deve ser recolhido em dobro? mesmo que a incidencia de tal imposto recaia sobre a HERANÇA, e esta é única. mesmos herdeiros, mesma herança!

  2. Liduina Araújo
    20/11/2006 18:26

    Obs:
    Quando falece o casal não se pode fazer inventário conjunto.
    Há de se fazer dois inventários.
    Isto é, far-se-á inventário de ambos. Pode-se pedir que
    os processos "corram" juntos, no entanto, ter-se-á que, necessariamente, fazer inventário de cada um dos falecidos.
    Dessa forma, havendo duas transmissões de herança, o ITCD é pago duas vezes (uma vez em cada inventário).

  3. Liduina Araújo
    20/11/2006 18:28

    Obs:
    No caso em que um sucedeu ao outro, há de se fazer dois inventários. Não existe inventário conjunto.
    Isto é, far-se-á inventário de ambos. Pode-se pedir que
    os processos "corram" juntos, no entanto, ter-se-á que, necessariamente, fazer inventário de cada um dos falecidos.
    Dessa forma, havendo duas transmissões de herança, o ITCD é pago duas vezes (uma vez em cada inventário).

Participe do Fórum

Entre com seu cadastro do Jus Navigandi:

Esqueceu sua senha?

Não tem Facebook e quer participar do Fórum?

Faça perguntas, responda dúvidas e discuta assuntos jurídicos. É fácil e grátis!

JUS NAVIGANDI NAS REDES SOCIAIS