Prezados Colegas

Alguém sabe como faço para encontrar na internet o Estatuto do funcionário público do Estado de São Paulo? Consegui a "LEI N° 8.112, DE 11 DE DEZEMBRO DE 1990" mas ela não mencionar reger os funcionários do Estado, e sim os da União (Dispõe sobre o Regime Jurídico dos Servidores Públicos Civis da União, das autarquias e das fundações públicas federais).

Estou procurando ler as incompatibilidade/impedimentos com relação a profissão. Minha dúvida: um funcionário público do judiciário(regime de 40 horas semanais) pode exercer a profissão de dentista nas horas vagas(ex: na parte da manhã ou aos sábados)? Aguardarei ansiosa

Respostas

7

  • 0
    W

    Wagner Santos de Araujo Quinta, 05 de maio de 2005, 9h53min

    Prezada colega, acesse http://www.legislacao.sp.gov.br e divirta-se. Lei 10.261/68.`è tudo o que achei

    abraço.

    wagner

  • 0
    C

    Carlos Abrão Quinta, 05 de maio de 2005, 12h56min

    Prezada colega Zenaide,

    Creio que a incompatibilidade deve ser observada no inciso XVI, art. 37 da CRFB/88, contudo ela trata de exercício entre os cargos públicos da administração direta, indireta e paraestatal.

    Não há vedação para o exercício de função pública com o exercício de função de empresa privada, tampouco vedação de contribuição para o regime próprio previdenciário concomitante ao regime de previdência geral.

    Segue o site para o estatuto solicitado: http://dersv.sites.uol.com.br/lei10261.htm

    Carlos Abrão.

  • 0
    C

    claudio.marshal@terra Sexta, 06 de maio de 2005, 18h53min

    oi ZENAIDE,eu tenho o estatuto,olhando parece-me
    que a unica restrição é se a empresa prestar serviço
    para o ESTADO ou ter qq outra relação.artigos 242 a244
    das proibições.
    eu penso que não havendo restrição por parte CRO;pode
    sim, tenho uma amiga que talves preste p/a perito criminal,
    ela é dentista,nada impede que trabalhe nas horas vagas
    como tal.
    obrigado claudio

  • 0
    Z

    Zenaide Domingo, 15 de maio de 2005, 22h45min

    Oi Cláudio

    Consegui ler todo o estatuto. Ele está um pouco atrasado, principalmente com relação as aposentadorias dos funcionários públicos.

    Li, também, que os impedimentos são com relação a serviços que tenham ligações com os entes públicos.

    No estatuto do Advogado há a menção de incompatibilidade do exercício de advocacia com o serviço público no judiciário.
    E no estatuto dos funcionários públicos não menciona a proibição relatada pelo Estatudo do advogado. A não ser que se encaixe em "finalidades".

    Um abraço

  • 0
    F

    func. pública Sábado, 07 de maio de 2005, 21h50min

    Caros colegas

    Quero agradecer de coração a ajuda prestada.

    Desejo muito sucesso para todos.

    Um forte abraço

  • 0
    R

    Renata_1 Terça, 27 de janeiro de 2009, 21h55min

    Boa tarde a todos!

    Bem, tenho 1 dúvida: sou recém-concursada em cargo efetivo como "técnica de apoio a pesquisa científica e tecnológica I", 8h/dia pela Secretaria de Agricultura e Abastecimento de SP e passei em um outro concurso como "técnica de laboratório", 4h/dia, concurso emergencial por 1 ano na Secretaria de Estado da Saúde de SP. Bem, gostaria de saber se posso assumir este segundo cargo?

  • 0
    C

    Cenper Sexta, 20 de abril de 2012, 16h59min

    Um funcionário público do judiciário federal pode manter contrato de prestação de serviço como perito com a Justiça Federal? Esta situação é causa de impedimento ou suspeição prevista no CPC, depende do processo em que ele atue? Ele pode fazer consultoria contábil como pessoa física ou acusa acúmulo?

Essa dúvida já foi fechada, você pode criar uma pergunta semelhante.

Receba os artigos do Jus no seu e-mail

Encontre um advogado na sua região