Como faço pra obter a guarda de uma criança??

Gabriela Bueno Moregola perguntou Domingo, 25 de novembro de 2007, 10h51min

Oi, o meu caso é meio complicado , não tenhoe xperiencia nehuma sobre o assunto, mas estou me sentindo injustiçada, pois tenho uma afilhada com quem convivi 3 anos, ficava com ela direto, os pais dela são meu Tio irmão da minha mãe e a mulher dele, nehum dos dois é mt direito , meu tio sempre teve problemas com drogas e a mulher não como ele mas sempre usou e tb não pensou antes de ter uma filha com ele, porem sempre foi avisada por todos os membros da familia que era melhor pensar antes de ter um filho, bom meu tio faleceu , e um pouco antes disso eles tinham se separado e a mae sempre usou a criança para atingir nossa familia pois sabia que eramos apegados a menina, sendo assim ela deu uma queixa de abuso sexual, disse que meu tio abusava da menina, ele podia ser louco drogado , mas disso seria incapaz eu mesma passei minha infancia com ele. Meus avos , avos maternos da menina querm a guarda dela ou ao menos poder ver ela, pois desde entao estamos proibidos de ver ou falar com a menina, ela proibe a criança de atender ao telefone chantageia a criança falando que se ela ver a gente ela fica sem a mae, gostaria de alguma ajuda, pois isso ja vai fazer um ano e quanto mais o tempo passa mais a cabecinha desta criança vai sendo prejudicada, ela tinha uma familia toda e agora nao sabe porque ninguem mais quer ela, deve estar passando milhares de coisas pela cabeça desta criança. Eu sou madrinha e prima de primeiro grau dela, sou alucinda por ela desde que ela nasceu com meses eu ja ficava com ela sozinha, tomava conta, de repente estou proibida de se quer falar com ela ao telefone. Queria justiça!!

Respostas

16

  • Geraldo da Silva

    Geraldo da Silva

    Gabriela, parece-me que você está com duas situações: quer pleitear o direito de visitas de sua avó e o direito de guarda.
    Em ambos você precisará contratar um advogado. Se for pessoa de pouca renda, contate a defensoria pública de sua cidade.
    Em ambos os casos, será verificado o bem estar da criança. Penso, a princípio que a sua avó, ou a avó da criança (não entendi) pode conseguir, sim, o direito de ver a criança..
    No caso de guarda, a pessoa que tiver interesse é quem deve ajuizar a ação, por meio de advogado, que saberá lhe orientar sobre os procedimentos.
    Abraço.

  • Simone  Costa

    Simone Costa

    Oi, eu estou criando o filho da sobrinha do meu marido deste dezembro de 2008, ele esta com 11 meses, a mãe e o pai nem vem ver a criança.
    a mãe tem outro filho, quem cuida e a minha sogra, ela mora la mais não cuida da criança, ela só ver o meu, quando eu vou na casa da minha sogra.
    o pai da criança nem aparecer.
    ela fala que vai me dar a guarda, mas parecer que o pai (biologico) vai dificultar.
    precisa da aprovação dele?
    O que devo fazer para ter a guarda?
    deste já agradeço ...

  • wanderleia vitorino

    wanderleia vitorino

    oi, eu e minha mulher somos um casal gay, e gostariamos de ter a guarda definitiva da sobrinha da irmã dela, que no momento só ta fazendo besteira na sua vida, a irmã dela vivia com o marido e depois de um tempo ele começou a bater nela (irmã da minha mulher ) dai ela resolveu fugir pra casa da outra irmã dela que mora em chapecó, lá ela arrumou um emprego, tava tudo indo muito bem, mais dai ela resolveu fugir de novo pra voltar com o marido dela, e ele fez tudo de novo como avia feito antes,dai ela fugiu de novo e foi pra gampo grande na casa de uma tia dela, lá todos queriam ajudar ela, ate alugaram uma casa e compraram moveis novos e ela comprou um celular no nome de um amigo, ai ela resolve voltar mais uma vez pro marido dela.. e como fica a filha dela nessa história, nesse ambiente?? como faço pra termos a guarda definitiva da menina.??? me ajudem por favor.... queremos dar um futuro digno para aquela criança...

    obrigada...

  • ffoliveira

    ffoliveira

    Oi,me separei a mais ou menos 2 anos de minha união estável,mas continuei minha vida ,conheci outra pessoa agora ja sou casa no papel,mas quando me separei da primeira união tive que deixar meu filho de 5 anos com o pai pois quando levei junto comigo o meu filho o pai dele queria usar o nosso filho como motivo para ir brigar com meu atual parceiro então resolvi deixar meu filho por uns tempos com o pai ,para evitar uma briga ,só que agora o pai do meu filho me intimou dizendo que eu o abandonei e diz com testemunhas que são parentes de segundo grau que eu o abandonei ,que eu não cuido direito dele,e agora não deixa mais eu pegar o meu filho para passar os fins de semana aqui em casa, com tudo isso ele esta com a guarda provisória do meu filho , e eu só tenho testemunhas que são parentes do meu ex.parceiro (o pai do meu filho)e agora o que eu devo fazer ?

  • sukka

    sukka

    Bom dia! acabei de descobrir que a ex do meu marido não cuida direito dos filhos...
    deixa um menino de 4 anos pedir dinheiro aos olheiros de uma boca de drogas,ele não ta indo na escola.e quando alguem conta pra ele, ela fala que é mentira mas a filha deles mais velha de 13 anos falou que é verdade,ela já tem outro filho de 1 anoque é de outro relacinamento, ñ liga pra nada e nen tem condiçãoes financeiras pra manter 4 filhos...o pai das crianças trabalha de bombeiro e nem sonha do que acontece...como faço pra denunciar sem me identificar???ele pode ter a guarda dos filhos

  • Ldinha

    Ldinha

    Sou brasileira, casada com um português! Tivemos um filho em Portugal, onde vivemos atualmente! O meu marido está empregado, mais eu continuo desempregada, tomando conta no nosso filho de apenas 2 anos! Mas no Brasil sou sócia do meu pai numa empresa de representações! Onde o meu pai administra os negócios! Ai eu pergunto: Se um dia eu me separasse do meu marido, era ele que ficaria coma guarda da criança porque ele trabalha e eu não? Pois ele vive dizendo que em Portugal a lei fica do lado de quem trabalha! E como eu não trabalho, é ele que fica com a guarda do nosso filho! Isso é verdade?

  • giancarlo dornelles

    giancarlo dornelles

    oi minha situacao e o seguinte minha mulher me abandonou ela e estudante e eu sou trabalhador ela abandonou o lar e foi morar com a mae dela e levou minha filha e ela e mae mas ela e menor de idade e eu sou maior de idade eu e minha filha somos muito agarrados ela tem um ano e cinco meses eu gostaria de pegar a guarda dela mas seria possivel eu estou morando na casa da minha mae e vejo minha filha as vezes como faço para obter a guarda dela??

  • Carmelita dos Anjos

    Carmelita dos Anjos

    Seguinte: Tenho união estável a três anos e meio. Tenho uma menina de dois anos e oito meses com meu esposo e tenho um filho meu de seis anos que mora comigo, veio de outro relacionamento, desse eu nunca tive problema algum nem com o pai nem com a família do pai dele, o meu problema é com o filho do meu esposo que também tem seis anos e mora com a avó materna e o avô, que é considerado como avô sem ser biológico, eles tem um comércio, vendem lanches e trabalham muito, nada a reclamar. A mãe dele morava na casa da mãe, a avó do menino, mas se casou, mudou de cidade e deixou a criança, nenhum problema, meu esposo pediu que quando ela fosse se casar novamente ela não poderia levá-lo pois ía acarretar uma briga judicial, então ela não levou, o que foi ótimo pois ela é boa pessoa mas tem pouca responsabilidade com a criança e seus relacionamentos são muito instáveis, entre outras coisas que não acho conveniente falar. A questão é que a criança é criada pelos avós sendo que o pai está disposto a criar, educar, custear e tudo mais. Tudo bem os avós são ótimos, mas já educaram os filhos deles e meu esposo e Eu não concordamos com certos aspectos da educação deles... nada que uma boa conversa não resolva, mas queremos mesmo é educar à nossa maneira. Não somos pessoas de posses, quero saber se isso conta muito também porque a avó materna tem casa própria e nós moramos de aluguel, temos apenas uma moto e um dinheiro bom guardado para comprar uma casa, mas ainda não é o suficiente, acredito eu que não demora um ano para resolvermos esse problema, AH! Meu esposo ganha menos de dois mil por mês, mas tem emprego fixo com carteira assinada a mais de dez anos. Enfim, se não conseguirmos resolver o problema apenas com uma conversa amigável existe a possibilidade de ganharmos a guarda da criança? Afinal tanto meu esposo como eu estamos dispostos a fazer de tudo para dar uma ótima educação a ele. Quero muito a resposta para essa pergunta!

  • Vany Santana

    Vany Santana

    bom dia preciso de uma orientação deixei minha filha com uma tia para ir trabalhar a uma ano e meio e hj ela não quer me devolver a crianças ate me proibiu de visitar quais os direitos que tenho sobre a minha filha pois hj tenho residencia propia e condições de cria-la se possivel me orientem desde ja agradeço

  • Anderson Felix..

    Anderson Felix..

    Ola,

    Minha ex-mulher e agressiva e tenta induzir meu filho a não gostar de seu tio, irmão que e dela. Tenho percebido que meu filho anda mais agressivo e desobediente e com problemas na escola. Ele tem apenas nove anos e cada semana que levo para minha casa ele se mostra diferente. Em um determinado dia perguntei porque bateu em seu coleguinha e me disse: Papai as desculpas que ele me pediu não vai tirar a porrada que ele me deu. Então percebi que era a hora de tomar a guarda dele.

    Mas qual e a primeira coisa que devo fazer?

  • FJ Brasil

    FJ Brasil

    Anderson
    você deve colocar o seu filho para fazer algumas atividades fora do colégio...
    já que ele gosta de bater, aconselho uma academia de karate, judô, jiu-jitsu...
    se nada disso resolver, procure um bom terapeuta!

  • Alexandra DO Nascimento

    Alexandra DO Nascimento

    Olá,gostaria de saber como devo proceder para legalizar minha situação,estou com a filha da minha sobrinha desde de Novembro de 2013 a mesma é usuária de drogas e não possui residencia fixa, a ultima vez que ela apareceu em casa para ver a filha foi na Pascoa,gostaria de obter a guarda para inclui-la como minha dependente e assim a mesma terá convenio médicos e estará amparada.

  • Priscilla Martins

    Priscilla Martins

    Estamos com ele desde os 15 dias de vida hj ele tem 3meses, eu e minha companheira que levamos ao medico e tentamos fazer tudo por ele é até um pouco complicado pois ele não é registrado já conversamos para ela ao menos registra lo mas ela não tem muito interesse. É filho da minha prima mas gostaríamos de cuidar melhor dele para isso queríamos registra lo em nosso nome. O fazer nessa situação? ?? Ajude urgente!

  • Auritania Sj

    Auritania Sj

    Oi boa tarde, eu gostaria de ter a guarda de minha sobrinha pois a Mãe dela esta indo morar com um homem que teve uma vida juntos algum tempo mais ouve divergencias entre eles e agura quer temtar de novo mais eu nao gostaria que leva-se a menina que hoje te 13 anos pelo menos ficar comigo 1 ano.

  • maria

    maria

    boa tarde, tenho uma sobrinha que tem uma filha menor drogada que esta gravida e internada numa clinica pela justiça minha sobrinha mae dela perdeu a guarda dela ela tem o direito de ficar com o neto se ela perdeu a guarda da propia filha o bebe vai para adoçao a menor depois de ter o bebe vai para o abrigo aguardo.