Ilmos. Srs.,

Sou de São Paulo e venho me socorrer da ajuda dos colegas por este motivo:

Os cálculos de pensão alimentícia não paga, como devo proceder? Eu já atualizei com 1% de juros moratórios. Precisa atualizar com mais algum valor? Algum índice do Tribunal?

Fui informado na Vara que existe um site que dá para fazer a correção dos valores pela INTERNET. Seria o site da AASP? Eu procurei lá e não encontrei esse serviço. Alguém pode me socorrer? O valor da pensão arbitrada foi de 60% do salário mínimo, em 2001. A Exequente nunca recebeu nenhuma quantia.

Grato.

Respostas

5

  • 0
    F

    Fabiola Saraiva Quinta, 14 de agosto de 2008, 15h45min

    Rafael,

    O cálculo das pensões alimentícias atrasadas são calculadas com juros moratórios de 1% ao mês e índice de correção monetária dado pelo Tribunal de Justiça. No meu caso utilizo a tabela fornecida pelo TJMG.
    Acrescento também honorários advocatícios na base de 20% sobre o valor da execução o que tem sido deferido pelos juízes.

    Att.

    Fabíola

  • 0
    R

    Rafael_1 Quinta, 14 de agosto de 2008, 16h30min

    Dra. Fabiola, obrigado pela atenção. Como que a senhora faz a conta? A senhora multiplica o índice de correção pelo valor inicial da pensão ou pelo valor já corrigido com o 1%?

    Doutora, trata-se de ação proveniente do Convênio Defensoria Pública e OAB. Nestes casos, pode-se requerer a condenação em honorários advocatícios também?

    Muito obrigado pela atenção, Doutora...

  • 0
    F

    Fabiola Saraiva Quinta, 14 de agosto de 2008, 16h54min

    Rafael,

    Multiplica-se pelo valor já corrigido.
    Os honorários, quando a ação é patrocinada pela Defensoria, pode ser requerido, pois uma vez deferido será refertido para a instituição e após rateado para os defensores, conforme consta na legislação referente a classe. Agora, como se trata de um convênio com a OAB, não sei dizer se pode haver condenação em honorários. Esta resposta fico de devendo. Ok!

    Att.

    Fabíola

  • 0
    R

    Rafael_1 Quinta, 14 de agosto de 2008, 20h28min

    Dra. Fabíola,

    A senhora é fantástica. Obrigado por esclarecer minhas dúvidas.

    Att.,


    Rafael

  • 0
    A

    anna kamilla Domingo, 29 de setembro de 2013, 16h43min

    a senhora poderia me mostrar passo a passo como se faz pois também tenho uma dúvida em relação ao isso.

Essa dúvida já foi fechada, você pode criar uma pergunta semelhante.

Receba os artigos do Jus no seu e-mail

Encontre um advogado na sua região