Ir direto ao conteúdo

Redes Sociais do Jus Navigandi

  1. ANA_1
    29/08/2008 17:47

    Ola gostaria de tirar mais uma duvida!!!

    o funcionario todos os dias faz horas extras que a empresa manda....destaca-se que estas horas extras sao pagas todos os meses e estao no holerite acontece que por ele trabalhar quase todos os dias sem almoçar e nao ter horario certo para descanso foi detectado uma gastrite e alguns meses ocaso se agravou e constatou ulcera, isso tudo devido a pessima alimentacao do empregado....pode a empresa mandar embora o funcionario mesmo doente, fazendo tratamento medico !!! o funcionario pode fazer algo neste caso!!!

    grata
  2. CARINA CARMELA MORANDIN BARBOZA
    30/08/2008 17:47

    A empresa não poderia ter mandado o empregado doente embora. Procure um advogado.
  3. Márcia Araújo da Conceição
    30/08/2008 19:28

    Não, mesmo que esse procedimento feito pela empresa em não determinar horário fixo de almoço e descanso não esteja no regulamento da empresa, pois, a Constituição Federal estabele principios básicos de proteção ao trabalhador, assim também como a CLT, onde os contratos e normas de trabalhos, mesmo com manifestação de vontade do indivíduo em relação as regras de contrato, essas não venham ser prejudiciais ao trabalhador. Por isso, procure um advogado e este saberá aplicar os principios trabalhistas favoráveis ao caso.
  4. Petter Hero
    02/02/2010 19:41

    CONSARG - Olha o que aconteceu comigo na consarg:



    Por tanto eu queria deixar bem claro a todos de lá, pode levar o tempo que levar eu não vou deixar isso barato. Pois só eu sei o que estou sentindo. Pior que eles nem querem saber se você estar doente, você vai sair do mesmo jeito que entrou, sabe como? Quando agente entra numa empresa tem que fazer uns exames corporal e quando sai também, sabe o que a enfermeira me falou? Que não seria preciso eu fazer que seria o mesmo de quando eu entrei, alias é muito engraçado isso parte dela. Será se foi um piada. Ou seja eu vou sair do mesmo jeito que entrei?
    No dia seguinte ela tenta ser engraçada, mais não consegue esconder. Eu vi em seus olhos que tinha algo por trás de tanta falsidade, ela sabe de tudo quem eles estam pensando em mandar embora ou não, ela só não me falou, porque sabia que não podia fazer nada. Eu vou na cozinha lavar minhas mãos ai vem um cara com uma conversa pra cima de mim dizendo que meu termino de contrato vou até o dia 18 de dezembro ( que não era) e não era mais pra mim fazer mais nada, que depois eles iam me chamar pra assinar o termino de contrato, como era véspera de natal, eles estavam distribuindo cesta natalina pra todos os funcionários, como isso fosse vantagem pra mim, eu só recebia a cesta se assinasse o termino de contrato.
    Eu não pensei duas vezes, eu peguei meu raio-x, meu laudo medico e fui pra casa, revoltado, indignado, por ser tratado daquele jeito.

    Quando eu olhei pra trás, eles estavam me procurando (ele foi embora) cara fui embora sem dar nenhuma satisfação porque eles deixaram bem claro pra mim
    TERMINO DE CONTRATO, o que eu ainda ia fazer lá, só assinar o termino e sair com uma mão na frente e outra atrás? Pensa bem, coloca-se em meu lugar, pois só eu conheço meu corpo, só eu que sinto as dores nas costa, e como nunca sente, só eu sei o esforço físico que fazia pra carregar uma barra de ferro, joguei varias vezes no chão pór não agüentar e deixando meus amigos se matando lá, mais eu não poderia fazer isso, mesmo me matando eu tinha que carregar aqueles ferros. E mostrar para os encarregados que eu não tava ali pra ser bonito eu tava ali pra trabalhar igual a todos.

    Aí um maldito dia eu inventei de ir lá no escritório da empresa, e falar dos meus problemas com a ultima pessoa que eu deveria ter falado naquele momento, eu me sente a criatura mais coitadinho do mundo, por ela ter me dito que eu não ia mais trabalhar no campo e eu ia ficar no escritoria ate eu melhorar. Cara eu fiquei tão feliz...
    Depois vi que não era vantagem pra mim, só me colocaram ali, pra quando completar meus dias eles me tirarem. O que aprende foi quando eu me entender com alguém, será com os dono dos cachorro e não com os cachorros, Cara pior que tive sinal disso na hora de pegávamos o ônibus pra ir embora.

    Pois é, tenho que ir lá de novo pra assinar termino de contrato, mais eu peguei um trauma daquele lugar, um medo daquelas pessoas, como nunca me aconteceu e isso é ruim para um rapaz que trabalhou pela primeira vez de carteira assinada. Eu não vou fazer nada contra essa empresa, porque ela não tem culpa. Eu trabalhei lá porque eu quis, porque eu precisava, mais não é por isso que eles têm o direito de me mandar ir embora, mesmo porque se agravou lá meus problemas. Eu não entrei assim e não vou sair assim.
    Eu nunca me sente tão fracassado na minha vida, tão franco, cara quando precisava ver como eles me tratavam na hora que eu ia pega a diária pra assinar na hora de ir no hospital, eu acabava pegando falta, teve um tempo eu já tinha medo de ir no hospital, só pra não pegar falta e meu dinheiro vim descontado.

    Eu amo a consarg, nunca fui um cara de trabalhar, mais na consarg me despertou um prazer de trabalhar acordar todos os dias bem cedo, tomar aquele banho gelado, colocar minha bota bico de ferro, e aquela camisa azul com a logo marca atrás. Isso pra mim era tudo, por mim eu não sairia nunca de lá. Eu voltaria a trabalhar lá de novo, mais não seria mais como era antes, por que me sente traindo por todas aquelas pessoas que estam naquele escritório. Ate a pessoa que mais confiei ali dentro.

    Eu não consigo mais dorme direito por me lembrar como foi cruel trabalhar na CONSARG, eles te mandam embora sentindo um monte de dores na costa, a enfermeira de lá é a mulher mais falsa que já conhece ela vem com umas historias de meu filhinho, meu bicho, ta doentinho, não diz pra ninguém que eu te disse isso, eles vão tirar a metade dos pessoal e vão deixar só você e o outro rapaz. Porque não podem me tirar doente.

    Me conheça melhor no meu blog e ver se um rapaz como eu cheio de sonhos mereçe passar por isso!
    http://petterhero.blogspot.com/

Participe do Fórum

Entre com seu cadastro do Jus Navigandi:

Esqueceu sua senha?

Não tem Facebook e quer participar do Fórum?

Faça perguntas, responda dúvidas e discuta assuntos jurídicos. É fácil e grátis!

JUS NAVIGANDI NAS REDES SOCIAIS