Ana Carolina Dihl Cavalin

Ana Carolina Dihl Cavalin

Publicações

  • Desconsideração da personalidade jurídica na sociedade limitada

    06/02/2013 19:44 1

    Apesar de a legislação não inserir a fraude dentre as hipóteses para a desconsideração da personalidade jurídica, a jurisprudência a tem considerado, ao lado do abuso de direito, este caracterizado pela confusão patrimonial ou pelo desvio de finalidade.

  • Embargos em execução de honorários sucumbenciais: ilegitimidade passiva da parte no processo principal

    31/08/2009 03:00 1

    O artigo 24, § 1º, do Estatuto da Advocacia estabelece o direito autônomo do advogado de exigir em nome próprio os honorários sucumbenciais fixados em sentença, o que significa dizer que o advogado, em nome próprio, não em nome do cliente, pode instaurar a execução da sentença nesta parte. Num processo, a sentença condenou a parte derrotada a pagar os honorários para a advogada da parte adversa. A advogada, na qualidade de exequente, instaurou processo de execução contra a parte adversa da que patrocinava. Esta, por sua vez, embargou a execução, mas arrolou como embargada a parte e não a advogada.

Precisa de Advogado?

Precisa de
Advogado?