Tenho sofrido todos o tipos de perseguições e abuso de autoridade desde o fato inicial em 2004 quando me tornei testemunha do MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE, o qual cassou o CNPJ da máfia das máquinas xerox piratas dentro de Universidade Federal,

Preciso de um advogado ou advogada de Direito Universitário.
Sou vítima da VIOLAÇÃO DO ARTIGO 10 da DECLARAÇÃO UNIVERSAL dos DIREITOS HUMANOS e preciso de um Advogado que possa estudar o meu caso com o OBJECTIVO DE REINTEGRAÇÃO DE POSSE de um vestibular, de uma vaga universitária roubada por um Reitor Mafioso. Utilizo a expressão máfia, porque o meu advogado, o doutor Andrio Portuguez Fonseca, que em 2005 era o CHEFE DE TODOS OS ADVOGADOS ALUNOS dentro do tribunal federal da quarta região, me disse dentro do referido tribunal que o Juiz Federal Marcelo de Nardi era máfia e o Advogado Andrio Portuguez Fonseca vem e me explica que tem que fugir temendo por sua vida, logo após ate o nome do Advogado some do processo, tudo some, e corre apenas um processo de INTERDIÇÃO EM MANICÔMIO JUDICIÁRIO, pelo PRESÍDIO MAURÍCIO CARDOSO contra a minha pessoa; o meu advogado, Professor Universitário da Unisinos, pediu que escrevesse um livro, que narrasse para o BRASIL TODO toda a perseguição e violação dos direitos humanos, que ele, um simples advogado, não tinha como fazer valer a Lei quando o CRIME é perpetrado por REITOR em UNIVERSIDADE FEDERAL, porque quando os funcionários federais estão organizados em MÁFIA é muito difícil se conseguir valer a LEI, o mais das vezes o CRIME e a VIOLAÇÃO DOS DIREITOS HUMANOS é o que prevalece. O fato inicial data de 2004 e eu estou narrando a situação no site do E-DEMOCRACIA pela CÂMARA DOS DEPUTADOS FEDERAIS, url: https://edemocracia.câmara.leg.br/expressao/t/procurador-da-republica-acoberta-crime-de-extorsaoefaz-comissao-do-legislativo-municipal-de-otarios/44684/64 Sei por experiência própria que a DEFENSORIA PÚBLICA está envolvida na VIOLAÇÃO DO ARTIGO 10 DA DECLARAÇÃO UNIVERSAL DOS DIREITOS HUMANOS, o poder público já estando sob o controle das MÁFIAS, cabe ao cidadão ROUBADO DE SEUS DIREITOS procurar um ADVOGADO particular, quem souber de um ADVOGADO QUE QUEIRA EXAMINAR o meu caso e informar o VALOR para LUTAR PELA REINTEGRAÇÃO DE POSSE DE MINHA VAGA UNIVERSITÁRIA ROUBADA. por favor entre em contato com ADRIANA PIETROadrianapietro80@gmail.com , a qual também é advogada, mas não trabalha na área de direito universitário. Ela estará negociando um advogado para a causa. Não entendo de Advocacia, não sei se qualquer Advogado no Brasil pode pegar caso de um cidadão que reside em Porto Alegre, Estado do Rio Grande do Sul. Aguardarei o contato dos amigos Advogados e Advogadas com ela, para que ela me apresente as melhores opções. Observação o meu caso é de Utilidade Pública, não tenho nada a esconder, toda a minha documentação é pública, já que sofri todos os tipos de perseguições imagináveis e continuo sofrendo todos os tipos de represálias por ser uma TESTEMUNHA DO MUNICÍPIO DE PORTO ALEGRE, em audiência pública, onde OS MAFIOSOS DONOS DAS MÁQUINAS XEROX PIRATAS DENTRO DOS PRÉDIOS FEDERAIS da UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO SUL tiveram os seus CNPJ cassados.



Informações sobre o texto

Este texto foi publicado diretamente pelo autor. Sua divulgação não depende de prévia aprovação pelo conselho editorial do site. Quando selecionados, os textos são divulgados na Revista Jus Navigandi.

Comentários

0

Livraria