Comentários

Programa “Mais Médicos”: serviço civil obrigatório?

Programa “Mais Médicos”: serviço civil obrigatório?

Em momento algum ouviu-se dizer que a falência do sistema público de saúde tinha como problema a formação do médico brasileiro. Mesmo assim, a solução mágica apresentada foi justamente modificar a estrutura dos cursos de medicina. A lei, como qualquer ato administrativo, não pode se desviar de seus motivos e finalidades.

Publicado em . Elaborado em .


Comentários

6

  • 0

    leiteneto

    relegar serviços públicos ao "espírito de empresa", mormente a atividade médica, fundamental para manutenção da saúde e da vida é jogar a humanidade no lixo, "humanidade" no sentido moral da palavra. Furtando-se os aspectos filosóficos vislumbrem as provas simbólicas que foram feitas e a massiva incapacidade dos formandos nas áreas sociais. Isso é uma resposta à medicina que tem se ofertado. Os médicos devem lutar pelo SUS, junto com a sociedade, não por suas clínicas.

  • 0

    leiteneto

    o problema da saúde pública no Brasil reside na falta de interesse dos médicos pelo exercício da medicina, apenas no exercício da atividade mercantil, o que provoca o abandono generalizado dos postos públicos abrindo margem para os desvios na gestão.

  • 0

    Maks Marks

    Srs.
    Muito me estranha a simploriedade e a falta de tino e de observação das pessoas. Toda essa bagunça o “apresentado” pela mídia é um tremendo disparate.
    O povo, esse nosso povo, que pensa em “adorar o PT (forma de poder e não de governo), é comprado com bolsa família, minha “nossa” casa e outros “engôdos” para angariar simpatia e VOTOS.
    Haja visto as confusas declarações de NOSSA PRESIDENTA. Que absurdo desse maravilhoso, sofrido e ignorante, não no sentido pejorativo, mas no sentido de não informado, de desconhecer as “magias” que são feitas para se manter no poder.
    Se houvesse sentido no que disse um dos comentaristas, perguntaria eu, e quem pagou mensalidades “bem salgadas” em faculdades particulares? O ensino público, custeado pelo Governo, é a regra, e devidamente provido pelos polpudos impostos que são pagos, porém com uma péssima devolução em serviços, que nada mais é do que a obrigação pela arrecadação; onde a educação é um gritante exemplo de ser uma “porcaria”, assim como a saúde, a segurança, o humilhante salário-mínimo e por aí a fora.
    Quando REALMENTE, o povo tomar consciência de que o nosso Governo é uma farsa; é simplesmente uma reunião pessoas que desejam o poder e o povo “que se lasque”, esse nosso MARAVILHOSO BRASIL, vai continuar sendo, parafraseando Boris Casoy, ISTO É UMA VERGONHA, este país é uma vergonha, se olharmos para o lado político, corrupto e desavergonhado.
    Lembram do que disse Rui Barbosa, há já alguns dias sobre o Brasil “ –
    De tanto ver triunfar as nulidades; de tanto ver prosperar a desonra, de tanto ver crescer a injustiça. De tanto ver agigantarem-se os poderes nas mãos dos maus, o homem chega a desanimar-se da virtude, a rir-se da honra e a ter vergonha de ser honesto.
    Este é o nosso Brasil desde sempre, e, até quando?
    Creio que até o povo aprender a não eleger pilantras, corruptos e pessoas que almejam somente o poder para si, e até lá o povo que se “lasque”!

  • 0

    Gilberto de Souza Lima

    "criação de um mecanismo que permita ao governo explorar, compulsoriamente, mão de obra barata." ??!! Não se esqueça que a grande maioria se forma em Universidades Públicas, com dinheiro público e nada mais justo que esses profissionais contribuam com serviços prestados à comunidade que o bancou!e não é mão de obra barata não! vEJA ISSO. http://www1.folha.uol.com.br/cotidiano/2013/07/1306596-cidade-do-interior-de-mato-grosso-paga-salario-de-r-30-mil-para-segurar-medico.shtml


    Leia mais: jus.com.br/revista/texto/24927/programa-mais-medicos-servico-civil-obrigatorio#ixzz2Yk3zBdQt

Voltar para o texto: Programa “Mais Médicos”: serviço civil obrigatório?