Comentários

Feminicídio

Lei 13.104/15 consagra a demagogia legislativa e direito penal simbólico mesclado com o politicamente correto

Feminicídio: Lei 13.104/15 consagra a demagogia legislativa e direito penal simbólico mesclado com o politicamente correto

A criação do feminicídio entra para o inglório rol das leis penais simbólicas e praticamente inúteis, neste caso ainda com generosas pitadas do nauseante “politicamente correto".

Publicado em . Elaborado em .


Comentários

10

  • -1

    Juliana Costa Meinerz Zalamena

    Não entendeu do que se trata violência contra a mulher nem crimes motivados exclusivamente pela condição feminina, infelizmente. Recomendo algumas leituras mais aprofundadas a fim de compreender o contexto que permeia a elaboração da lei.

  • -1

    ANGELA SUZANA SUZANO XAVIER

    Prezados, o número de mulheres que sofrem violência doméstica no Brasil vai muito além das estatísticas e da divisão por classes sociais ou escolaridade.
    Vejo que não só o autor, mas a maior parte dos comentários aqui partem de homens.
    Tenho certeza que todos foram gerados no útero de uma mulher. Desconheço se alguns tem filhas ou irmãs, mas, supondo que todos tenham tido sempre um comportamento exemplar e atencioso com as mulheres, talvez até compreenda a forma como analisam a questão...
    Mas, acreditem, nem todas as mulheres que apanham e sofrem violência doméstica são acomodadas ou desconheçam seus direitos, nem todas são ignorantes ou estejam em uma relação por estabilidade financeira.
    Vou lhes contar uma coisa, que certamente alguns dos senhores sabem, mas, preferem desconhecer...
    Há muitas mulheres instruídas, que mantem relacionamentos com parceiros violentos por causa de filhos, porque sabem que mesmo numa separação judicial, abrindo mão de seus direitos são ameaçadas, e decidem poupar seus filhos e familiares. Na maior parte desses casos, quando a separação ocorre, mesmo a separação de corpos, e até mesmo mudar de cidade evita a violência e em casos extremos a morte...

  • 1

    roberto gomes corrêa

    Mesmo leigos como eu já tinham entendido o recado , ou seja, votos do eleitorado feminino.Todo , afirmo, todo político é mestre em fazer média afim de ganhar alguns votos e nada melhor do que frente a uma população de maioria feminina, criar esse monstrengo chamado -feminicídio. Com direito inclusive a correria para que o mesmo fosse entregue a presidente e esta mostrar serviço no dia internacional da mulher.Parabéns pela coragem e pela excelente matéria.

  • 1

    João Damásio

    Curiculum de peso e argumentos bem elaborados. Mas como sabemos que existem no País, muitas mulheres com curriculuns semelhantes, acho que as mesmas deveriam vir para também expor sua interpretação do assunto. E talvez abrir uma discussão sobre a intenção do legislador e o espírito da lei.

Voltar para o texto: Feminicídio