Jus Dúvidas

Perguntar

Qual é a sua dúvida?

Estou me separando por adultério Ela obteve todas as provas na internet, conversas por email, fotos, videos de intimidade,alguns com mulheres diferentes, se caso venhamos a nos separar amigavlelmente ela quer 30% de pensão alimenticia pois temos um filho, caso venhamos a brigar judicialmente ela quer usar todo material para me prejudicar além de alegar que ficou depreciva devido o fato, além de danos morais e outros, ela pode fazer isso? O que devo fazer ? qual a melhor opção?

Respostas

16

  • 0
    F

    FJ-Brasil (Morreu)-Fim do Mundo Suspenso Terça, 18 de setembro de 2012, 22h53min

    Separar amigavelmente exigindo o valor de pensão, não vejo nada de amigavel rssss. seja mais esperto que ela, grave ela chantagenado, ameaçando vc...rss, adultério não é crime a muito tempo. o ideal é sempre buscar o concenso, principalmente pelo filho. Se for divórcio litigioso, é um desgaste enorme para todos. Esquece isso de danos morais, ela só esta fazendo um terrorismo na sua cabeça, pelo fato de ser a vitima, mulher traida. Mas vc tbm foi um mané, como da um mole desses? A melhor opção, é vc entrar com o pedido de divórcio, guarda compartilhada do filho e faça uma oferta de alimentos para criança!

  • 0
    B

    BeteSP Terça, 18 de setembro de 2012, 23h01min

    Adultério nao é crime. Portanto essas provas NAO sao válidas num litígio.

    Acho apenas que vc deveria tentar apaziguar a situação, para que NAO entre num litígio que é muito desgastantr para os dois, afinal vcs tem um filho , procure fazer a regulamentação de vistas e pensão .

    Agora me corrijam se eu estiver errada: acredito que ela possa sim entrar com uma ação de danos morais, e te pedir uma indenização por isto! Deixemos que os Drs. Dar a opinião deles!

    Boa sorte

  • 0
    B

    BeteSP Terça, 18 de setembro de 2012, 23h07min

    FJ

    Repare nas nossas respostas.. Ei, estou aprendendo direitinho hien!!!
    Ficou até engraçado escrevemos as mesmas coisas...NAO copiei de vc viu!!!
    rsrs ...

    Então neste caso ela NAO pode entrar com um processo de danos morais ?

  • 0
    F

    FJ-Brasil (Morreu)-Fim do Mundo Suspenso Terça, 18 de setembro de 2012, 23h07min

    Não cabe danos morais, a menos que o cidadão colocasse a esposa em situação de constragimentos, divulgando o conteudo da traição. É mais facil a amante ganhar uma indenização, caso a esposa publique tais videos e imagens...rsssss

  • 0
    F

    FJ-Brasil (Morreu)-Fim do Mundo Suspenso Terça, 18 de setembro de 2012, 23h15min

    Sim Elisa,
    vc esta aprendendo muitas coisas, como eu e muitos outros tbm, a leitura e opniões, nos ajudam muito.
    bjs

  • 0
    I

    Insula Ylhensi Suspenso Quarta, 19 de setembro de 2012, 3h17min

    Yarlei, vc disse: "Estou me separando por adultério"

    Isso não é verdade. Hoje em dia o casal se separa por VONTADE, não precisa mais ter algum motivo. Adultério não é crime, como já colocaram aqui pra vc.

    Deixe a culpa de lado e lute pelos direitos de seu filho, a pensão é para ele. Safado é o pai que não assume a parte que lhe cabe no sustento do filho, só pra atingir a mãe. É um calhorda!!!

  • 0
    Y

    Yarlei Quarta, 19 de setembro de 2012, 5h23min

    Concordo plenamente com vc porém a pergunta não foi referente a pensão e sim aos danos que poderia sofrer, até mesmo para continuar convivendo com meu filho, a pensão no caso não é o problema, e sim saber se ela pode também usar isso para me prejudicar em ver meu filho.

  • 0
    M

    Marsh Simpson Quarta, 19 de setembro de 2012, 8h04min

    O que devo fazer ? - divorcio

    qual a melhor opção? - pague a pensão devida ao seu filho

    sobre a sua má conduta como esposo, infelizmente ela não pode fazer nada, então deixe ela falar a vontade pelo menos pra ela coloca pra fora a raiva dela e tente não entrar em conflito para poupar seu filho.

    Usar isso para prejudicar seu filho? como? porque? ela deve ter raiva de vc e não dele.

  • 0
    E

    Edic Quarta, 19 de setembro de 2012, 8h07min

    Yarlei

    Legalmente, ela não pode usar o adultério para lhe prejudicar, pois como já foi dito, o mesmo não é mais crime, no entanto é claro que se ela quiser ela pode dificultar ao máximo seu convívio com seu filho, pois ela foi traída e dúvido que queira deixar barato. No entanto, para isso voce tem medidas legais que voce pode se amparar, como fazer B.Os se ela impedir vc de ver o filho, policia e tal e a própria lei de alienação parental. Sugiro que siga as orientações de FJ-Brasil, ou seja, contrate um advogado, faça uma oferta de alimentos e regularize as visitas. Essa história de dano moral, no caso descrito dificilmente dá em alguma coisa

    Um abraço

  • 0
    L

    Luiz Agsul Suspenso Terça, 30 de setembro de 2014, 19h29min

    Agsul detetives particular,levantamento de provas,dados,e todo o tipo de serviços com investigações,experiencia com mais de 15 anos.

    Contato: (51) 97460856

    email: agsuldetetive@hotmail.Com

  • 0
    G

    GabS Terça, 05 de janeiro de 2016, 15h51min

    Trair não é crime (só falta de caráter mesmo, mas enfim...). Não existe essa de traidor ter menos direitos, vai ser exatamente como se fosse em qualquer outro tipo de processo de divórcio. Se tem filhos, reclame a pensão deles. Se tem bens a partilhar (dependendo do regime de casamento) corra atras dos bens.

  • 0
    R

    Rafael F Solano Quarta, 06 de janeiro de 2016, 22h14min

    Luh, a suposta traição é coisa entre o casal, os filhos não participam disso, se um dá ou não ao parceiro a liberdade de ter outras experiências, não é o fim do mundo;

  • 0
    Bruno Ragonesi Costa

    Bruno Ragonesi Costa Quarta, 27 de abril de 2016, 10h45min

    Acho engraçado a maioria falar aqui que traição ou adultério são normais, "só falta de caráter"...tudo bem, realmente e infelizmente não é crime.
    Já pesquisaram o quanto que uma traição faz mal psicologicamente e fisicamente à pessoa traída?
    Legalistas jamais deveriam se tornar tão amorais!

  • 1
    R

    Rafael F Solano Quarta, 27 de abril de 2016, 16h57min

    Se é normal ou não é o casal quem decide. Não serei eu a palpitar na sua vida particular, ela é sua é cabe a vc definir as normas de convivio com as pessoas de sua vida.

    Não importa o que uma traição POSSA ou não causar a quem decide se sentir incomodado com ela, mas um fato é verdadeiro, ou a pessoa se envolve com quem não quer ou não tem condição de manter-se fiel (gosto,. vontade, interesse, disposição....) ou essa pessoa se envolve com alguém que deseja algo a mais e o outro não consegue alcançar, enfim, ocorre um desajuste entre o casal. Isso tem de ser visto e analisado antes do relacionamento ficar mais sério. Se prefere se deixar levar pelo entusiasmo é como se envolver com um drogado que vai colocar cocaina no seu café e vc nem esta aí para ver, só saberá quando já estiver dependente. Enfim, se não quer conhecer a pessoa com quem se envolveu, aguente as consequencias!!!!

    E antes de venha a reclamar da opinião alheia, lembre-se que ninguém foi atrás de vc para pedir sua opinião pessoal, e finalmente, atente-se para o local em que entrou, um forum de discussão juridica, aqui abordamos aspectos legais e não morais dos fatos. Se levou chifre, vá chorar na cama que é lugar quente, e não se esqueça que aquele que não dá assistência, abre pra concorrência e por isso perde a preferência!!!!

Receba os artigos do Jus no seu e-mail

Encontre um advogado na sua região