Respostas

12

  • 0
    M

    Marla2 Quinta, 18 de setembro de 2014, 9h34min

    No mínimo umas 45 páginas ( de conteúdo, sem contar capa, contra capa, dedicatória e aquela enrolação toda). Fui reprovada na minha 1º monografia, uma das razões é pq ela estava muito fina. Passei na 2º monografia.

  • 1
    P

    Pedro Ferraz Quinta, 25 de setembro de 2014, 18h02min

    Caveiga, tudo bem? Tenho uma empresa de consultoria acadêmica e posso dizer que a questão de páginas não é mencionada em nenhuma das NBR's da Associação Brasileira de Normas Técnicas.

    Para falar a verdade, a ABNT oferece muitas possibilidades e meios possíveis para concretização de um trabalho. Na parte de escolha do tipo de fonte, por exemplo, existe a possibilidade de uso de Arial ou Times New Roman, cabendo a cada Instituição de Ensino indicar sua preferência.

    Em linhas simples de explanação, a ABNT submete uma variedade, de certa forma, limitada por meio da qual o Orientador ou Instituição possam versar sobre a melhor alternativa, em observância de suas necessidades.

    A questão de quantidade de páginas deve ser vista por meio de duas perspectivas distintas:
    -Monografia;
    -Artigo.

    Um artigo possui de 8 a 15 páginas, ordinariamente.

    Uma monografia, por outro lado, pode ter de 30 a X folhas. Não há limite mínimo ou máximo disponível á consulta na ABNT, senão apenas na sua Instituição.

    Entretanto, posso dizer que uma monografia, geralmente, possui de, no mínimo, 30 até 60 laudas (apenas anverso).

    A dica é combinar, previamente, o número de páginas com o orientador ou instituição para evitar frustração.

  • 0
    L

    layane 1 Quinta, 25 de setembro de 2014, 18h35min

    isso depende de cada orientador e da instituição, pois na minha primeira graduação fiz um artigo contendo 17 paginas tirando capa, contracapa entre outros.
    na minha segunda graduação fiz uma monografia e o meu orientador pediu no minimo 45 paginas como o tema era muito grande no final ficou com aproximadamente 85 paginas completas com capa, contracapa, índice, dedicatória, referencias bibliográfica.
    na terceira fiz uma revisão de artigo que deu aproximadamente 15 paginas completas.
    a quantidade de paginas da monografia vai variar, pois se o assunto escolhido tiver pouco embasamento teórico não vai fica muito grande. Eu aconselho antes de escolher um tema verifique a quantidade de livros que tem publicado sobre o tema e artigos.

  • 0
    D

    Desconhecido Sexta, 26 de setembro de 2014, 10h03min

    Pedro Ferraz e layane 1: No início eu fiquei em dúvida, mas minha orientadora me pediu que escrevesse mais de 40 páginas e já conclui o trabalho. Obrigado pelas dicas.

  • Removida

    Esta resposta foi removida.

  • 0
    L

    Leilson Felicio Quinta, 22 de outubro de 2015, 19h44min

    Isso realmente é muito relativo, por exemplo já vi orientador dizer que prefere umas 25 ou 27 paginas de conteúdo objetivo e funcional, do que um trabalho do 80 paginas que fazem uma ponte ligando o nada à lugar nenhum.

  • 0
    Talma Bastos de Barros

    Talma Bastos de Barros Quinta, 12 de novembro de 2015, 23h48min

    Como delimitar a contextualização de uma pesquisa? Como delimitar o raciocínio em números de páginas? A ABNT não o exigiria. Se algum orientador maico o exice, o problema é muito grande. Quem forma tem que ser formado! Não pode qualquer um, docente, mestre ou doutor se julgar capacitado, se não o for, para orientar a Metodologia da Pesquisa Científica!

  • 0
    Roberto Silva

    Roberto Silva Sexta, 04 de março de 2016, 0h37min

    Entre 45 e 60 páginas, lembrando que as páginas começam a ser enumeradas a partir da introdução, assim, Toda a parte pré textual não é contada.

Essa dúvida já foi fechada, você pode criar uma pergunta semelhante.