http://www.blogdacidadania.com.br/2015/07/ataque-a-lula-secretaria-de-seguranca-de-sp-divulga-hipotese-irresponsavel/

Há dois dias, graças ao antiPetismo instalado no Brasil, o Instituto Lula foi alvo de atentado à bomba. E, indo contra a lógica, a Secretaria da Segurança Pública do Estado de São Paulo suspeita que tenha sido apenas uma "ação de baderneiros".

Duas perguntas:

-- A que penas tais meliantes estão sujeitos?

-- Vocês os consideram baderneiros ou terroristas?

OBS: Com esse já são três ataques às instalações do PT em 2015. Até o momento, nenhum criminoso foi identificado por nossa "competente" Justiça.

Respostas

20

  • 0
    D

    Desconhecido Domingo, 02 de agosto de 2015, 18h16min

    não se fala em terroristas pois até hoje não se define na legislação brasileira o que seria um ato terrorista, por consequencias não se pode definir o que é terrorista na legislação brasileira

  • 2
    D

    Desconhecido Domingo, 02 de agosto de 2015, 18h17min

    ah ia mes esquecendo a nossa "justiça" não identifica qualquer criminoso, cabe a policia identificar indicar e a justiça julgar,

  • -1
    R

    RafaeL JUS Terça, 05 de abril de 2016, 1h15min Editado

    ISS//,

    Eu sei que o Brasil não comporta o "terrorismo"; foi por isso que pedi a visão de VOCÊS e não da Legislação!

    No mais, é lamentável você não considerar a Polícia como sendo parte da Justiça; sem ela (Polícia) o atual Sistema Judiciário estaria falido.

    PS:
    Você não respondeu a pergunta >>> "A que penas tais meliantes estão sujeitos?".

  • 1
    D

    Desconhecido Terça, 05 de abril de 2016, 6h48min

    polícia nao faz parte da " justica" basta ver na CF .quanto a penas? nenhuma ja que aquilo nao existe. alias que tal invadir o sitio triplex ...fazenda de petistad..?

  • 0
    Lisnei

    Lisnei Contagem/MG 182613/MG Terça, 05 de abril de 2016, 7h22min

    paixão partidárias à parte. São crimes de vandalismo. Mas a lei anti terrorismo ainda vai ser aplicada, mesmo porque é uma quase exigência internacional.
    Entendo terrorismo todo ato que se use bombas, sequestros. assassinatos, destruição de patrimônio público ou privado, tendo como justificativa a simpatia ou antipatia a um ou a vários partidos políticos, aí posso incluir,os ataques as sedes do PT, a morte do cinegrafista vitima de rojão disparado por manifestantes, O ataque do MST a fazendas produtivas, usando como motivo o uso de transgênicos. Enfim uma série de atos que podem caracterizar atos terroristas.

  • 0
    R

    RafaeL JUS Quarta, 22 de junho de 2016, 2h46min Editado

    ISS//,

    Veja bem, quando eu digo que a Polícia faz parte da Justiça é no sentido de que, sem ela, "o atual Sistema Judiciário estaria falido". Em nenhum momento coloquei, de FATO, a Polícia como sendo parte da Justiça. (SERÁ QUE É TÃO DIFÍCIL DE ENTENDER ISSO??? AFF!)

    No mais, o que você quer dizer com "aquilo não existe"? E por que incita invasões ao triplex e à "fazenda de petista"?

  • 1
    R

    Rafael F Solano Quarta, 22 de junho de 2016, 15h26min

    Vai ver foi o próprio lula que plantou a bomba!!! Adora se fazer de vitima!!! Nessa, meu caro rivotrilzado, nem brasileiro acredita!!!!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

  • 0
    R

    RafaeL JUS Sábado, 22 de outubro de 2016, 10h06min Editado

    ISS//,

    Num país onde milhares de famílias não possuem moradia, é sério que vocês acham errado o MST invadir terras IMPRODUTIVAS de milionários que limpam a b**** com dinheiro???

    PS:
    Você não respondeu a pergunta >>> "O que você quer dizer com 'aquilo não existe'?".

  • 0
    R

    RafaeL JUS Sábado, 22 de outubro de 2016, 10h06min Editado

    Rafael F Solano,

    O propósito deste tópico não é ficar levantando teorias da conspiração, mas sim discutir as penas e a INCOMPETÊNCIA (ou seria MÁ-FÉ?!) da Polícia Federal em não ter localizado os responsáveis pelo crime. (SERÁ QUE PRECISO DESENHAR???)

    No mais, aja como adulto e responda as minhas questões!

  • 0
    Lisnei

    Lisnei Contagem/MG 182613/MG Quarta, 23 de novembro de 2016, 11h35min

    Depois de muito tempo volto aqui e vejo as justificativas do RAFAEL JUS. Meu caro, eu já fui militante do MST, se a luta dele fosse apenas por reforma agrária seria legitimo,mas não ele prima pela ilegalidade em todos os seus atos. Eu não falei de fazendas improdutivas, mas falei de plantações, ou seja, produção, o agro negocio é o que mais produz e estimula a produção de alimentos no pais, inclusive alimentos consumidos pelos sem terras. As cooperativas administradas pelo MST também são boas, mas nada justifica o vandalismo encabeçado pelo mesmo.

  • 0
    D

    Desconhecido Quarta, 23 de novembro de 2016, 11h55min

    Conheço uma "cooperativa" do MST,que foi criada num determinado local, construíram até uma fabrica para produção de suco de laranja...pasme até hj não foi espremida uma laranja sequer advinha pq? pq não tem laranjeiras a terra não é própria para o cultivo. Uma outra foi caso do Sr Olacir de Morais metade da fazenda foi desapropriada e entregue ao mst sua cooperativa foi até citada como modelo que seria a ser seguido, dois anos depois aquilo que o Olacir produzia na mesma area caiu para um terço, resultado de que? os integrantes da mst haviam vendido os pivôs de irrigação sumiram com tratores e implementos destruíram silos para tirar as chapas de alumínio para vender e fazer casas ou seja...serve para alguma coisa?

  • 0
    Lisnei

    Lisnei Contagem/MG 182613/MG Quinta, 24 de novembro de 2016, 18h44min

    Pois bem ISS, aos poucos os bons conceitos que se tem de certas organizações vão caindo por causa do exemplo que você acaba de citar. Não tenho como contestar pois há 20 anos não tenho contato mais com o MST, propagavam que suas cooperativas eram bem produtivas. Mas propaganda nem sempre é verdadeira. Houve época que o MST tinha uma reputação boa, mas seus dirigentes contribuíram para derrubá-la. E atualmente não se ve mais o MST produzindo como diziam no seu lema: ocupar, resistir e produzir. Eles ocupam, sim, prédios públicos, resistam a ordens judiciais, produzem anarquia e induzem pequenos produtores rurais e trabalhadores com suas famílias ao erro.

  • 0
    R

    RafaeL JUS Sábado, 07 de janeiro de 2017, 16h50min

    Lisnei,

    Você comentou como se eu tivesse te rebatido, porém a minha resposta foi ao(à) antiPetista declarado(a) ISS//. Mas enfim...

    Saiba que eu nunca justifiquei (pode pesquisar!) atos de vandalismo por parte do MST e etc.; apenas não acho correto criticar invasões de terras IMPRODUTIVAS, pois isso é a mesma coisa que sacrificar os pobres em prol dos que limpam a b**** com dinheiro.
    [exemplificando: Se os bilionários e milionários de sua cidade resolvessem comprar todas as mercadorias dos supermercados para depois jogarem fora, você acharia injusto que os munícipes roubassem/furtassem tais produtos?]

    OBS:
    O assunto sobre o MST é SECUNDÁRIO; se quiser debater mais a fundo sobre tal tema, por favor, crie um tópico e não fique desvirtuando o meu!

    PS:
    Cuidado ao escrever "agro negocio", pois o(a) seu(ua) amigo(a) ISS// adora tirar sarro de quem escreve errado.

    E também não fique demorando muito para responder, pois ele(a) também adora chamar os outros de "lesma".

  • 0
    R

    RafaeL JUS Sábado, 07 de janeiro de 2017, 16h50min

    ISS//,

    Além de citar casos ISOLADOS (vide link abaixo), você, como de praxe, AINDA não respondeu a minha pergunta >>> "O que você quer dizer com 'aquilo não existe'?".

    http://ultimosegundo.ig.com.br/brasil/2013-10-14/com-agricultura-familiar-mst-adere-a-estrategias-capitalistas.html

    OBS:
    O assunto sobre o MST é SECUNDÁRIO; se quiser debater mais a fundo sobre tal tema, por favor, crie um tópico e não fique desvirtuando o meu!

  • 0
    Lisnei

    Lisnei Contagem/MG 182613/MG Sábado, 07 de janeiro de 2017, 17h34min

    Pois bem, eu aceito correção quanto erro na gramática ou na ortografia. Citei MST pois o que eles fazem beira a terrorismo sim. De qualquer forma, este assunto que o colega insiste tanto nele, tem pouca questão jurídica, pois o tal crime de terrorismo ainda não foi inserido no nosso ordenamento jurídico, até lá, veremos o que podemos interpretar. Quanto a meu amigo, ISS, como voce disse, sempre me tratou dentro do devido respeito, mesmo quando divergimos em certos pontos. E nada impede que voce seja meu amigo também. Minha participação aqui é para aperfeiçoar meus conhecimentos jurídicos e se puder ajudar alguma pessoa que porventura precisa de esclarecer alguma dúvida jurídica. Nosso site não é para debater, ideologias ou doutrinas políticas partidárias. Portanto, encerro aqui, repetindo minha primeira pergunta, Qual é a tese jurídica que voce tem a respeito? Quer sanar alguma dúvida? Esclarecer? Precisa de ajuda? Ou pretende ajudar alguém?

  • 0
    R

    RafaeL JUS Sábado, 11 de março de 2017, 11h38min

    Lisnei,

    Eu não te corrigi, mas sim apenas te orientei a tomar "cuidado", pois "o(a) seu(ua) amigo(a) ISS// adora tirar sarro de quem escreve errado". Mas enfim...

    Você diz que o(a) ISS// sempre te tratou "dentro do devido respeito", porém é importante salientar que tal respeito é alimentado por terem a mesma ideologia política, pois, veja bem, até 2014 (quando eu era de Direita), ele(a) também nunca havia sido desrespeitoso(a) para comigo. Infelizmente, hoje em dia só fica no "petralha", "lesma", "petralhista", "lularapio", "viúva da Dilma", "lerdo" e etc., rsrsrs... Parece uma criança!

    E, ao contrário do que você insinua, não estou aqui para debater "ideologias ou doutrinas políticas partidárias", mas sim para sanar dúvidas (vide post 01/08/2015). Porém se o senhor não gosta do que vê em meus tópicos é só não participar deles. Simples!

    OBS:
    É interessante você dizer que o JUS não é para debater "ideologias ou doutrinas políticas partidárias" e conseguir, assim como o(a) ISS// em outros tópicos, desvirtuar o assunto em tela gastando mais de DUZENTAS palavras pra falar do MST. :)

    PS:
    Você disse "repetindo minha primeira pergunta". Quando ela foi postada pela primeira vez?

    (creio que o senhor esteja confundindo os tópicos)

Essa dúvida já foi fechada, você pode criar uma pergunta semelhante.