Meu nome é Karen Mariane Gonçalves. Moro a mais de 5 anos no imovel e depois que trabalhei pra a proprietária pra limpa a casa dela e cuidar dela por conta dela ser doente e precisar de cuidados medicos pois o diagnostico é esquizofrenia e bipolar. Passei a cuidar dela dia e noite mas a mesma tem mania de que todos estao roubando ela ate mesmo as filhas que no qual só vem pra levar no medico e trazer os remédios ela acusa ate ai tava tudo bem. trabalhei quase por 4 meses foi quando a senhora nao quis mais que eu trabalha-se pra ela hoje to com meu aluguel atrasado pos apenas 7 dias e as filhas dela estao pedindo pra mim sair do imovel sendo que tenho 2 meses de caução. a senhora esta desligando a minha energia no quadro que fica no quintal dela as filha estao apar e só fala pra mim desocupar o imovel que nao pode fazer nada tenho 3 filhos pequenos fico no escuro e estou sendo acusada de ladra a senhora me xinga em vias publicas de tudo que é nomes e jogou cândida no meu cachorro ai as filhas dela fala que quando ela cria birra com alguem é assim o melhor é eu desocupar a casa por é dai pra pior Não recebi o que foi combinado e agora tenho que desocupar a casa por que a senhora pegou birra de mim tenho que ser humilhada em vias publica e tudo bem .

Respostas

3

  • 0
    R

    Rafael F Solano Quinta, 03 de setembro de 2015, 22h01min

    Sugiro que saia o mais rápido possível, procure a secretaria de ação social e peça ajuda para encontrar um abrigo, se a mulher é doida não haverá processo que traga um de seus filhos de volta.

  • 0
    Rafael T.

    Rafael T. 99578/RS Sexta, 25 de setembro de 2015, 13h05min Editado

    Pelo que você relatou, eu vejo uma relação civil de locação do imóvel, uma relação trabalhista e ainda o cometimento de crimes por parte desta senhora. Onde você tem certeza de se sair vitoriosa é na questão trabalhista, por isso você deve procurar um advogado trabalhista ou ir pessoalmente à Justiça do Trabalho para reclamar seus direitos. Respondendo a sua pergunta: você deve processar a dona do imóvel, e não as filhas, na Justiça do Trabalho.

    Quanto à questão do aluguel, presumindo que a locação tenha sido feita oralmente (sem contrato assinado) e a proprietária está cobrando também oralmente, então você pode deixar por isso mesmo, desde que saia do imóvel dela. Como disse acima o Rafael Solano, procure a Assistência Social do município caso não tenha para onde ir. Caso ela lhe cobre aluguel atrasado judicialmente no futuro, o valor que você terá ganho na Justiça do Trabalho certamente irá ultrapassar o valor que você supostamente deve.

    Por fim, quanto às ilegalidades que ela está cometendo na esfera Criminal, pelo seu relato, eu identifiquei pelo menos 3:
    - calúnia (acusar alguém de furtar ou roubar);
    - injúria (insultos em via pública);
    - crime ambiental de maus tratos a animais (jogando cândida no cachorro).
    Destes 3 crimes, o ambiental basta que você se dirija a uma Delegacia e relate os fatos para que ela seja investigada pelas autoridades. Os outros dois crimes (calúnia e injúria) dependem de você procurar um advogado e entrar com uma ação criminal contra ela, tendo o cuidado de garantir suas testemunhas ou outros meios de provar os fatos para o juiz. Qualquer um destes crimes pode lhe render indenização por danos morais na esfera Cível, o que também provavelmente excederia o valor que você supostamente deve pelo aluguel.

Essa dúvida já foi fechada, você pode criar uma pergunta semelhante.