Saiba Mais!

O STF não permite a conversão do tempo de magistério em exercício comum, pois a aposentadoria especial de professor pressupõe o efetivo exercício dessa função, com exclusividade, pelo tempo mínimo de 25 anos. Contudo, essa alteração se deu pela Emenda Constitucional 20/98.

Antes dessa alteração legislativa é possível ter reconhecido o direito de ter o tempo trabalho na atividade de magistério convertido em tempo especial.

Aposentados que não tiveram seu tempo de magistério convertido podem ter direito à revisão do benefício.

Informe-se.


Autor


Informações sobre o texto

Este texto foi publicado diretamente pela autora. Sua divulgação não depende de prévia aprovação pelo conselho editorial do site. Quando selecionados, os textos são divulgados na Revista Jus Navigandi.

Comentários

0