Com o tema “Discutindo soluções tributárias: caminhos para o enfrentamento da crise”, o evento on-line e gratuito reunirá renomados profissionais da área jurídica e contábil do país

Os impactos da pandemia de Covid-19 extrapolam a saúde, atingindo fortemente a economia. Uma das consequências desses efeitos são os impostos atrasados, situação que abala a confiança de milhares de contribuintes em todo o país. Para debater esse e outros assuntos, a Fecomércio MG realiza, no dia 30 de abril, de 9h às 13h, a 5ª edição do Seminário de Direito Tributário, com o tema “Discutindo soluções tributárias: caminhos para o enfrentamento da crise”.

O evento on-line e gratuito terá a presença de diversos especialistas e renomados profissionais da área jurídica e contábil. Já os painéis abordarão temas ligados às recentes decisões proferidas pelo Supremo Tribunal Federal (STF), ao Simples Nacional, à importância do planejamento tributário, às hipóteses de regularização de débitos, dentre outros assuntos.

A abertura da 5ª edição do seminário será conduzida pela presidente interina da Fecomércio MG, Maria Luiza Maia Oliveira, que destaca a oportunidade de troca de conhecimento. “O seminário possui um papel de estimular discussões acerca dos temas tributários, principalmente aqueles tratados nas esferas jurídica e legislativa do país, repercutindo, assim, diretamente na atividade empresarial mineira. Diante de uma das mais graves crises de nossa história, é uma oportunidade de debater temas que afetam e o futuro dos negócios em todo o país”.

Entre as palestras, destaca-se “O conceito de serviços e os recentes julgamentos do STF”, que será ministrada às 9h30, pelo presidente do Conselho de Assuntos Tributários da Fecomércio MG e da Associação Brasileira de Direito Tributário (ABRADT), Valter Lobato. “Diante do complexo sistema tributário brasileiro, injusto e inseguro em que convivemos, enquanto não se aprova uma Reforma Tributária, precisamos discutir os problemas que assolam as empresas neste terrível momento”, ressalta.

Segundo Lobato, atento ao momento atual, o 5º Seminário de Direito Tributário reúne diversos protagonistas deste cenário, como representantes da Receita Federal do Brasil (RFB), do Estado de Minas Gerais e estudiosos do Direito Tributário. “Queremos informar aos nossos representados as últimas e mais controversas questões tributárias. É mais do que necessário, diante da crise econômica que vivemos, discutir o sistema para que ele seja aprimorado e deixe de ser um entrave para o crescimento do país”, afirma.

A programação ainda comtempla a palestra “Regimes especiais em Minas Gerais – tratamentos setoriais – ICMS”, às 11h20, com o superintendente de Tributação da Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais (SEF/MG), Marcelo Hipólito Rodrigues. Além disso, às 12h20, o secretário adjunto da SEF/MG e auditor federal de Finanças e Controller, Luiz Claudio Fernandes Lourenço Gomes, ministrará a palestra “Hipóteses de regularização de débitos estaduais”.

O seminário será mediado pelo consultor jurídico tributário e legislativo da Federação, Marcelo Morais. De acordo com o especialista, o seminário será uma oportunidade para esclarecer dúvidas e encontrar soluções para os débitos tributários durante a crise. “Neste ano, buscamos apresentar caminhos para que os contribuintes entendam as decisões tributárias recentes, consigam honrar com suas obrigações financeiras e repensem os tributos no país frente à crise.”

O evento terá transmissão simultânea pelo YouTube e Facebook da Fecomércio MG e pela plataforma 2KP.

Serviço | 5° Seminário do Direito Tributário da Fecomércio MG
Data: 30 de abril (sexta-feira)
Horário: 9h às 13h
Transmissão: pelo YouTube Facebook da Fecomércio MG e pela plataforma 2KP

Programação

9h20 – Abertura com a presidente interina da Fecomércio MG, Maria Luiza Maia Oliveira

9h30 – Tema: “O conceito de serviços e os recentes julgamentos do STF”
Palestrante: Dr. Valter Lobato. Presidente do Conselho de Assuntos Tributários da Fecomércio MG e da Associação Brasileira de Direito Tributário (ABRADT), coordenador da Revista de Direito Tributário Fórum/ABRADT, além de sócio do escritório Sacha Calmon – Misabel Derzi Consultores e Advogados.

09h50 – Tema: “Planejamento estratégico da Receita Federal do Brasil ciclo 2021 a 2023 e foco na conformidade tributária”
Palestrante: Dr. Mário José Dehon São Thiago Santiago. Superintendente da Receita Federal em Minas Gerais (6ª Região Fiscal).

10h10 – Tema: “Operações interestaduais a consumidor final – ICMS – Difal – ADI 5469”
Palestrante: Dr. Leonardo Aguirra de Andrade. Doutor e mestre em Direito Tributário pela USP. LLM em Direito Tributário Internacional pela Georgetown University. Advogado em São Paulo e sócio do Andrade Maia Advogados.

10h30 – Tema: “Planejamento Tributário”
Palestrante: Dra. Ana Claúdia Akie Utumi. Doutora em Direito Econômico-Financeiro pela USP, mestre em Direito Tributário (PUC/SP) e MBA em Finanças (IBMEC/SP-Insper). Membro de vários conselhos no Brasil e no exterior, além de pesquisadora e professora de cursos de pós-graduação.

10h50 – Intervalo

11h00 – Tema: “Simples Nacional – ICMS-ST e produtos monofásicos – tratamento tributário – recolhimento antecipado”
Palestrantes: Dra. Fernanda Nogueira Gil - consultora tributária independente em projetos e representante do CRCMG no Conselho de Assuntos Tributários da Fecomércio MG e do Colégio de Representantes dos Contribuintes Mineiros - e Dra. Christiane Ferraz Dutra Rocha - consultora tributária, sócia da empresa MF Consultores e auditora independente pelo CFC.

11h20 – Tema: “Regimes especiais em Minas Gerais – tratamentos setoriais – ICMS”
Palestrante: Dr. Marcelo Hipólito Rodrigues. Superintendente de Tributação da Secretaria de Estado de Fazenda de Minas Gerais (SEF/MG).

11h40 – Tema: “Como lidar com os precedentes do STF?”
Palestrante: Dr. Tiago Conde Teixeira. Membro efetivo da Câmara de Tributação e Finanças Públicas da Fecomércio DF e sócio conselheiro do escritório Sacha Calmon – Misabel Derzi Consultores e Advogados.

12h00 – Tema: “Transação tributária – débitos federais”
Palestrante: Dr. João Grognet. Procurador da Fazenda Nacional e coordenador-geral de Estratégias de Recuperação de Créditos.

12h20 – Tema: “Hipóteses de regularização de débitos estaduais”
Palestrante: Dr. Luiz Claudio Fernandes Lourenço Gomes. Secretário adjunto de Estado de Fazenda de Minas Gerais e auditor federal de Finanças e Controller.

12h40 – Tema: “Novos desdobramentos – exclusão do ICMS da base de cálculo do PIS/Cofins”
Palestrantes: Dra. Luciana Goulart Ferreira - Executive LLM em Direito Empresarial pela CEU Law School e mestre em Direito Público pela PUC Minas. Membro do Conselho de Assuntos Tributários da Fecomércio MG. Sócia do escritório Rolim, Viotti, Goulart, Cardoso Advogados - e Dr. Pauliran Gomes e Silva - Advogado tributarista, assessor jurídico do Grupo Martins e diretor da Associação Brasileira de Direito Tributário (ABRADT), é membro do Conselho de Assuntos Tributários da Fecomércio MG e mestre em Direito Público pela Unifran.

13h – Encerramento



Informações sobre o texto

Este texto foi publicado diretamente pelo autor. Sua divulgação não depende de prévia aprovação pelo conselho editorial do site. Quando selecionados, os textos são divulgados na Revista Jus Navigandi.

Comentários

0

Autorizo divulgar minha mensagem juntamente com meus dados de identificação.
A divulgação será por tempo indeterminado, mas eu poderei solicitar a remoção no futuro.
Concordo com a Política de Privacidade e a Política de Direitos e Responsabilidades do Jus.

Regras de uso