Ao navegar, você aceita que o Jus use cookies e parcerias para personalizar conteúdo e anúncios. Política de Privacidade

Símbolo do Jus.com.brJus.com.br

Condenadas em litigância de má-fé, mulher tem bens bloqueados junto com advogada

O Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo condenou, em litigância de má-fé, advogada e cliente que ingressaram com ação alegando inexistência de débito contra uma administradora de crédito, declarando desconhecer dívida de R$ 281,51 e pedindo indenização por danos morais pela inscrição nos cadastros de inadimplentes. A punição à profissional se deu pelo entendimento do Magistrado sobre a atuação temerária, sem conhecimento e consentimento da cliente.

A sentença, favorável à administradora de crédito, ocorreu após a Eckermann | Yaegashi | Santos Sociedade de Advogados, que a patrocina, apresentar farta e idônea documentação, revelando que a narração dos fatos foi inverídica quando as Rés afirmam desconhecer a contratação que deu ensejo à restrição do nome.

O advogado e sócio-diretor da EYS Sociedade de Advogados, Dr. Peterson dos Santos, afirma que, atualmente, há centenas de ações dessa natureza em diversas Comarcas brasileiras que alegam desconhecimento de débito, fraude e requerendo indenização por danos morais. Este fato despertou dúvida ao Magistrado sobre a legitimidade da constituição e da atuação da advogada da parte contrária, levando a crer que as circunstâncias ocorreram à revelia do conhecimento e da vontade da patrona original, por isso, a pena de litigância de má-fé recaiu sobre ambas. Mais uma vez, recorreram da sentença e o pleito foi negado novamente.

O Dr. Peterson dos Santos reforça ainda que o papel do advogado, além de indispensável para a administração da justiça, é de exercer função social, defender os interesses das partes em juízo ou fora dele, zelar pelo bom cumprimento da lei e por uma sociedade genuinamente justa e democrática.

Sobre a Eckermann | Yaegashi | Santos Sociedade de Advogados: Oferecer serviços personalizados e diferenciados; analisar os perfis individualmente são as premissas dos Sócios que mantêm a Eckermann | Yaegashi | Santos Sociedade de Advogados há mais de uma década, conceito que aproxima e humaniza os relacionamentos e que concedeu os prêmios de Excelência & Qualidade Top Of Quality Brazil 2021; Águia Americana Justiça 2021; Escritório Cível Destaque e 1º lugar em Cessão de Crédito para o Banco Santander. Localizado no Jardim Paulista, Zona Oeste de São Paulo, uma das maiores metrópoles da América Latina, o escritório lida com clientes Brasil afora dentro das especialidades do robusto time, nas áreas de Recuperação de Ativos; Estruturação de Fundos; Direitos Empresarial e Societário; Direito Civil; de Família e Sucessão, do Consumidor; e do Trabalho.

Sobre o autor
Informações sobre o texto

Este texto foi publicado diretamente pelos autores. Sua divulgação não depende de prévia aprovação pelo conselho editorial do site. Quando selecionados, os textos são divulgados na Revista Jus Navigandi

Publique seus artigos
Compartilhe conhecimento e ganhe reconhecimento. É fácil e rápido!