Respostas

43

  • Andreia Alves dos Santos

    Andreia Alves dos Santos

    Cara luana

    tenho um cliente com um caso similar ao seu. Gostaria de saber se vc efetua os recolhimentos previdenciários. O fato de ter fibromialgia é discutível se conseguirá a aposentadoria por invalidez, pois o perito judicial (ortopedista), conforme o caso (o do meu cliente foi assim), não caracteriza suficiente para obter o direito à aposentadoria, sendo remetido ao perito psicólogo para avaliação, pois acha que o problema é "apenas" psicológico, mas cada caso é um caso. Gostaria de saber se vc está em auxílio doença.

  • AMELIA PEREIRA DE DEUS

    AMELIA PEREIRA DE DEUS

    sou funcionária municipal, fui obrigada a ter c/c no banco, nao tive escolha, quero ter apenas conta salario, isso é possivel? O banco está devorando o meu salario pois estou no vermelho, quero saldar o débito mas não posso fazer deposito pois o saldo negativo não diminui, apenas aumenta, quero saber se tem uma lei que me dá respaldo para fechar a conta e manter apenas a conta salário, afinal de conta o prefeito atual trocou de banco sem consultar o funcionalismo.

  • Funcho

    Funcho

    resposta um:

    a fibromialgia não 'PASSA" na perícia do INSS. Os peritos (?) entendem que não
    é caso para aposentadoria.

    resposta dois:

    O empregado pode escolher o banco que irá receber seu salário.

  • Ana Paula

    Ana Paula

    Eu tive fui durante um bom tempo medicada como fibromialgia, até que procurei uma reumatologista indicada pelo pelo ortopedista, e na verdade eu tinha LUPUS!
    Não sei se te ajuda, mas vale a pena investigar essa tal de fibromialgia a fundo.O exame chama-se FAN, e outros que a reumatologista irá te pedir, determina se é fribromialgia ou reumatismo...
    Bjs

  • luana_1

    luana_1

    Cara Andréia, em primeiro lugar obrigada pela atenção, eu não efetuo recolhimento do inss, nesse caso eu teria direito a auxilio doença? Vc acha q seria bom q eu começasse a efetuar o recolhimento como automona? tenha um bom dia. Obrigada

  • Andreia Alves dos Santos

    Andreia Alves dos Santos

    Mas vc já trabalhou em alguma empresa e teve recolhimentos anteriores... No momento vc não possui a qualidade de segurada, desse modo, não faz jus ao benefício de auxílio doença. Se vc não efetua os recolhimentos, mas já teve algum recolhimento anterior, após 4 meses efetuando recolhimentos poderá solicitar o benefício. Poderá recolher como contribuinte facultativo, código 1406 e recolher 11% do salário mínimo. Mas atente para um detalhe, vc precisa ter recolhimentos anteriores, só nesse caso poderá voltar a recolher. mas precisam ser 4 meses, 1 por mês e não de uma única vez. Após, vc poderá solicitar o benefício, mas precisará de laudos médicos que comprovem as enfermidades, mas no laudo não poderá constar que a doença já existe há muito tempo, pois vc corre o risco de não conseguir o benefício devido ao fato de considerarem a doença como préexistente, mas poderá afirmar que houve o agravamento da doença.
    No caso da resposta do amigo FUNCHO creio que está mal informado, pois meu cliente ficou 8 (oito) anos em auxílio doença por FIBROMIALGIA.

  • Andreia Alves dos Santos

    Andreia Alves dos Santos

    CARO AMIGO FUNCHO

    Creio que vc está equivocado em afirmar que a fibromialgia "não passa" na Perícia do INSS, pois meu cliente ficou 8 (oito) anos em auxílio doença por FIBROMIALGIA.
    abraços

  • Regina C.C. Viana

    Regina C.C. Viana

    bom dia. eu já fiz recolhimento 4 anos , nesse caso tenho direito ao auxilio doença? tb tenho fibromialgia. grata pela atenção

  • Funcho

    Funcho

    Andréia Alves.


    Sua resposta aclarou mais minha convicção.
    Depois de oito anos de afastamento o segurado deveria ser aposentado.
    Passa ou não passa?

  • Andreia Alves dos Santos

    Andreia Alves dos Santos

    Foi ajuzada ação para que seja convertido o benefício em aposentadoria por invalidez, somente o Juízo Federal poderá reconhecer.