O visto L-1 é um visto para executivos ou empresários que se transferem para os EUA.

Tem algum tempo ou restrições relacionadas a cota como para H1-B? Quanto tempo leva todo o processo? Uma vez nos EUA, é possível convertê-lo em um H1-B para a mesma empresa?

A ideia básica por trás do visto L1 é permitir que funcionários de empresas internacionais que operam dentro e fora dos EUA sejam transferidos de uma agência internacional para a filial americana.

Primeiro, o empregador protocolará uma solicitação L1 em seu nome e cada solicitação individual será avaliada pelo USCIS. Então, o quão difícil é conseguir depende das suas qualificações. Em algumas situações e para certos empregadores, o USCIS emitirá vistos L1 flexíveis, o que significa que eles emitem um certo número de vistos em branco e a empresa os distribui por conta própria, caso em que seria muito mais fácil para qualquer trabalhador obter.

A restrição de tempo em um visto L1 geralmente varia de cerca de 3 meses à permanência máxima de 7 anos. A duração da emissão é baseada em considerações de reciprocidade com outras nações, portanto, o visto será emitido pelo período de tempo especificamente definido para o país de origem do aplicante. A boa notícia, porém, é que não há restrições de cota em um visto L1 como em um H1B.

Qualquer processo de pedido de visto vai levar algum tempo e esforço, o L1 não é diferente. Há muitos formulários e documentos que precisam ser arquivados entre 6 meses e 45 dias antes da data de início solicitada pelo funcionário. Mas, antes que isso aconteça, todas as informações necessárias precisam ser reunidas e os formulários e documentos precisam ser preenchidos. Esse processo pode levar alguns meses por conta própria, mas a contratação de um advogado de imigração facilita a confecção do processo e reduz tempo e riscos.

Law Offices of Witer DeSiqueira

www.witeradvogados.com

OBS.: O propósito deste artigo é informar as pessoas sobre imigração americana, jamais deverá ser considerado uma consultoria jurídica, cada caso tem suas nuances e maneiras diferentes de resolução. Esta matéria poderá ser considerada um anúncio pelas regras de conduta profissional do Estado da Califórnia e Nova York. Portanto, ao leitor é livre a decisão de consultar com um advogado local de imigração.


Autor

  • Witer DeSiqueira

    IMIGRAÇÃO NORTE AMERICANA VISTOS: B1/B2; EB-1/EB-2/EB-3/ E-B5; F1; H1B/H2B; K-3; L1; P; O; ENTRE OUTROS.

    ESCRITÓRIOS NO BRASIL E NOS ESTADOS UNIDOS.

    ESCRITÓRIO FULL SERVICE: BUSINESS TRANSACTIONS - INTERNACIONALIZAÇÃO DE EMPRESAS EUA/BRAZIL; CHILD SUPPORT - AÇÃO DE PATERNIDADE E ALIMENTOS / USA; REAL ESTATE LAW - TRANSAÇÕES IMOBILIÁRIAS / USA; FINANCIAL TRANSACTIONS - TRANSAÇÕES FINANCEIRAS/ USA; IRS NEGOTIATIONS - RENEGOCIAÇÕES DE DÍVIDAS JUNTO AO IRS (RECEITA FEDERAL) / USA; COURT HEARINGS - AUDIÊNCIAS EM CORTES / USA;

    Textos publicados pelo autor

    Fale com o autor

    Site(s):

Informações sobre o texto

Este texto foi publicado diretamente pelo autor. Sua divulgação não depende de prévia aprovação pelo conselho editorial do site. Quando selecionados, os textos são divulgados na Revista Jus Navigandi.

Comentários

0

Autorizo divulgar minha mensagem juntamente com meus dados de identificação.
A divulgação será por tempo indeterminado, mas eu poderei solicitar a remoção no futuro.
Concordo com a Política de Privacidade e a Política de Direitos e Responsabilidades do Jus.

Regras de uso