Respostas

24

  • 0
    H

    Herbert C. Turbuk . Adv/SP Sábado, 11 de janeiro de 2014, 17h53min

    PATRÍCIA

    Temos um colega participante aqui do Jus que é formado em Direito na Holanda e não teve seu diploma revalidado aqui no Brasil. Somente foi validado seus diplomas de 1o. e 2o. graus. Ele teve que cursar Direito no Brasil. Passou no exame da OAB e atualmente é advogado. O mesmo serve para os demais países estrangeiros (em relação a graduação em Direito por universidades estrangeiras).

    HERBERT C. TURBUK
    www.hcturbuk.blogspot.com

  • 0
    E

    Elisete Almeida Sábado, 11 de janeiro de 2014, 20h47min

    Acompanhando o comentário do Dr. Herbert, temos um amigo no Jus que se formou na Espanha e está a fazer novamente a graduação no Brasil, pois não conseguiu revalidar também, mas parece-me que ele conseguiu equivalência em algumas matérias da licenciatura. Eu fiz direito em Coimbra e a minha revalidação saiu nesta semana, após uma espera de quase 6 anos.

    Em princípio, não é reconhecido, pois o sistema adotado é muito diverso do romano-germano, mas tenta dar uma olhadinha na pg da CAPES (www.capes.gov.br), lá deve ter uma lista com as IES estrangeiras reconhecidas no Brasil.

  • 0
    E

    Elisete Almeida Sábado, 11 de janeiro de 2014, 21h00min

    Patrícia;

    Também estou à procura de informações para revalidar o meu diploma de mestrado obtido em Coimbra, acabei por encotrar esta pg do MEC: http://portal.mec.gov.br/index.php?option=com_content&view=article&id=12405&Itemid=317

  • -1
    N

    nevS Terça, 10 de junho de 2014, 8h46min

    Não vejo como um instituto de ensino público revalidara um diploma de um curso de direito brasileiro nos EUA que somente tem como objetivo subverter as determinações da MEC. Aliás, uma das requisitas da revalidação é que tem que ser um curso reconhecido no pais. Nos EUA,direito, como medicina, é um pôs graduação. Não existe "bacharel de direito" somente Júris Doctor. Assim, já que a conclusão do curso não da direito à inscrição na bar association, não vejo como revalidar o curso.

  • 0
    E

    Elisete Almeida Terça, 10 de junho de 2014, 17h43min

    Caro Antonio Blanco;

    Qual a informação que necessitas?

    Se preferir, entre pelo meu face, o nome é o mesmo.

    Cumprimentos

  • 0
    E

    Elisete Almeida Terça, 10 de junho de 2014, 19h31min

    Antonio, é
    https://www.facebook.com/elisete.almeida.33?ref=tn_tnmn

    Mas o processo é de licenciatura?

  • 1
    G

    Gabriela Araujo Domingo, 24 de agosto de 2014, 15h29min

    A revalidação do diploma de graduação em Direito emitido por universidade portuguesa demora entre 6 a 8 meses no Brasil.

  • 1
    Alfredo Freitas

    Alfredo Freitas Terça, 09 de junho de 2015, 13h00min

    Olá, Patrícia,

    Os primeiros graduados na Ambra revalidaram o diploma no Braisl. Confira o depoimento do Dr. Fernando Meneguin, graduado que revalidou e foi aprovado na OAB, no seguinte endereço: http://pages.ambra.education/direito-a-distancia

    Abraços
    Alfredo

  • 0
    T

    Torres Domingo, 04 de dezembro de 2016, 0h05min

    Tomem cuidado porque embora no site eles indiquem nomes de graduados pela instituição que conseguiram se inscrever na OAB, nós não sabemos se essas pessoas realmente se graduaram por lá.
    E mesmo que tenham sido graduados pela AMBRA, uma coisa na reportagem do Estadão me chamou atenção: Se por um lado a AMBRA não dá muitos detalhes de como os diplomas podem ser revalidados, por outro temos a justificativa do MEC que diz que apenas universidades que oferecessem curso de Direito à distância poderiam revalidar o diploma, como nenhuma universidade brasileira tem curso de Direito à distância, a revalidação seria impossível.
    Bem, o diploma da AMBRA parece não mencionar que o curso é à distância, se estes diplomas estão sendo revalidados no Brasil, pode ser que os alunos estejam dizendo que fizeram na modalidade presencial, o que seria uma espécie de fraude (Alguns podem ter feito presencial mesmo, se residiam na Flórida. Talvez seja o caso desses 5 alunos mencionados no site, por isso conseguiram revalidar).

  • 0
    Edir Figueiredo Figueiredo

    Edir Figueiredo Figueiredo Sexta, 30 de dezembro de 2016, 12h56min

    Calma gente saiu a Portaria do MEC de numero 22, que traz novos procedimentos para revalidar diplomas e titulos de cursos feitos no exterior, acredito que agora ficou mais fácil. Boa sorte. Ah, gostaria de fzer contato com ex-alunos da AMBRA pois tenho um parente interessado no curso de direito. Abs.

  • 1
    Pedro Bolívar Andrade

    Pedro Bolívar Andrade 159253/MG Terça, 14 de fevereiro de 2017, 20h29min

    Prezado, o diploma da AMBRA é sim perfeitamente passível de revalidação no Brasil. Eu me incluo pessoalmente na primeira turma de formandos da AMBRA (2013), revalidei meu diploma seguindo todo o processo junto a IES Publica, fiz OAB, passei, hoje estou devidamente inscrito nos quadros da Ordem. Assim como eu, todos os alunos da First Class tiveram seus diplomas revalidados, e todos os que fizeram a prova da OAB foram aprovados. Os alunos das turmas de mar/2014 a jan/2016 também já estão com seus diplomas revalidados (todos os que solicitaram). Tem muito "achismo" e "opinião" nos textos acima. Fatos são fatos. A revalidação é possível sim e já aconteceu em mais de uma IES Publica. Há sim aqueles que são politicamente contra. Há também IES Públicas que optam por não revalidar. Mas há também IES Publicas que entendem que os requisitos legais são todos cumpridos e que revalidam o diploma da Ambra conforme já expus aqui. Abraços a todos.

Essa dúvida já foi fechada, você pode criar uma pergunta semelhante.