Ir direto ao conteúdo

Redes Sociais do Jus Navigandi

  1. Douglas_R
    10/04/2010 09:22

    Não sei se estou postando isso no forum certo, me desculpe se não estiver
    Bom... a historia é a seguinte:
    Conheço uma mulher que sempre recebeu o dinheiro da mãe (acredito ser aponsentadoria, mas n tenho certeza exata do que é esse dinheiro) porque a mãe dela era muito idosa e não tinha condiçoes de ir ao banco receber.
    Só que a mãe dela faleceu faz 1 ano, e essa pessoa continua recebendo esse dinheiro , essa mesma pessoa me contou isso e até falou pra eu não contar para ninguem, mas não axo isso justo e por isso quero saber como denuncia-la, tenho o nome completo dela e da falecida mãe dela, a unica coisa que não sei é se é aposentadoria ou algum outro beneficio que ela esta roubando
    neste caso, posso fazer uma denuncia anonima?como proceder?
    obrigado
  2. ISS
    10/04/2010 09:56

    Usuário suspenso

    é fácil envie uma carta a agencia do inss mais proxima de sua residencia, não precisa se identificar, é meio estranho essa informação se a mãe faleceu é obrigação do cartório informar o inss sobre o falecimento do beneficiário.
  3. Douglas_R
    10/04/2010 11:11

    obrigado pela resposta GBS
    Existe chances desta mulher ser presa por fazer isso?
  4. ISS
    10/04/2010 13:29

    Usuário suspenso

    Depende; se houver condenação
  5. Douglas_R
    10/04/2010 17:47

    ah, então isso fica a criterio no INSS.
    obrigado novamente
  6. ISS
    10/04/2010 18:04

    Usuário suspenso

    Não fica a critério do INSS uma vez constatada a fraude o INSS é obrigado a levar o caso à Justiça que decidirá ao final.
  7. lucinha-Natal.
    19/04/2010 08:34

    Me esclareça o seguinte:Tenho uma irmã com alzhemier, ela estava na casa de uma prima(2ª) que a levou para cuidar dela,em dezembro a colocou numa clinica para idoso por nao poder cuidar mais dela, só que ela passou uma procuração para ela receber os vencimentos dela e agora eu quero transferir para mim pois estou na responsabilidade agora eu e meu filho, como faço pra anular essa procuraçao(salario/Aposento)e passar para minha responsabilidade?Onde vou primeiro?
  8. Lene
    19/04/2010 09:27

    Cara lucia de F.

    Sugiro, que voce proponha ação judicial de Interdição, requerendo a Curatela de sua irmã visto o mal que ela sofre tratar-se de doença degenerativa. Na inicial da ação, seu advogado pode solicitar a tutela antecipada para obtenção de curatela provisória, que irá conferirir-lhe os direitos e deveres relacionados a todos os atos necessários em prol de sua irmã, sendo certo que de posse deste termo provisório indicando voce como responsável voce irá receber os proventos ou vencimentos dela.
    Obs: Mesmo com o término do processo seja sempre prudente, guarde todos os comprovantes de recebimento e despesas, para eventual prestação de contas que pode ser solicitada a qualquer tempo pelo juiz.
  9. lucinha-Natal.
    28/11/2011 14:24

    OI Lene,


    Eu não tenho nenhum comprovante de nada, ela se aposssou de tudo, na verdade nem sei quanto ela paga na clinica para idoso, ela foi tirada de nos sob amaças de nos denunciar na delagacia do idoso, queria ate que meu filho fosse depor contra mim pois na familia dela tinha advogado, juiz e ela poderia nos prejudicar, como minha irma ja estava com alzhimer, ela fez uma procuração que eu tb nunca vi e exigiu os cartoes dela , tanto do INSS, como da Secretaria de Educaçao onde ela é aposentada, tb não sei quanto é os vencimentos dela, tudo esta nas maos desta prima que é afilhada de minha irma e eu queria retomar, pois ela colocou minha irma lá por que soube que ela não ia receber um dinheiro que meu pai deixou pra a filha mais nova. o que eu faço?
  10. lucinha-Natal.
    28/11/2011 14:25

    Oi lene, onde entro com esta interdiçao?
  11. Lene
    04/12/2011 02:07

    Prmeiro procure saber na clinica sobre o estado de saúde de sua irmã, converse com a equipe médica, e veja na administração o valor da mensalidade que é paga e quem é o seu responsável. Verifique principalmente se ela realmente recebe o tratamento adequado e necessário a sua doença.
    - Eles não podem negar essa informações principalmente por voce ser irmã da paciente e se preocupar com ela.

    Nos casos de interdição a preferencia é do parente mais próximo ou na sua falta de quem se prestar a exercer o cargo de responsabilidade como curador.

    Procure saber no forum se sua prima já não entrou com ação de interdição e curatela. Caso o processo já se encerrou havendo motivos sérios pode-se propor ação de modificação de curador "à interditanda".

    Caso não exista processo algum e mediante o quadro da doença de sua irmã, vc pode entrar com ação de interdição e curatela, para isso precisará de um advogado, pra te orientar com relação aos documentos, e propor a ação no forum de sua localidade.

    Obs: De tudo isso caso queira entrar com processo, sugiro que vc antes converse pessoalmente com um advogado de sua confiança, pois esse tipo de ação é seríssima e envolve muita coisa que não dá pra discutir neste forum.
  12. Roberto
    04/12/2011 05:28 | editado

    Douglas_R,
    Sim vc postou no espaço certo.
    Veja bem, a qualquer momento você pode fazer uma ligação anônima para o INSS, pode fazer isso na agência que atende a sua cidade.
    Informe nome completo da pessoa que está recebendo os vencimentos bem como dados da falecida.
    Ligue explicando a situação e em seguida peça a (o) atendente para anotar os dados. Informe, se possível nome da falecida, data do nascimento, óbito, nome da filha e endereço que residia quando viva.
    Essa pessoa "pode" estar cometendo crime. Para constatar a fraude caso o beneficio esteja sendo sacado por apenas o INSS não ter recebido óbito e dado baixa, o gerente vai pedir averiguação junto ao cartório, busca pelo óbito.
    Se configurado fraude o beneficio será suspenso e essa pessoa recebera uma notificação do INSS com prazo determinado para devolver todos os valores sacados desde o óbito. Porem nesse mesmo tempo outra notificação estará sendo enviada a Policia Federal.
    Só para que entenda toda fraude contra a previdência é dever do INSS comunicar a Policia Federal. Essa por sua vez intimara para depoimento estipulando curto prazo para devolução de todos os valores sacados, já informando pena de prisão caso haja desobediência.
    Então o caso é serio. Pode tardar, mas quando se entra na mira da PF a punição é certa.
    Entendendo:
    Quando registra o óbito o cartório envia independente de idade um comunicado ao INSS. Pode acontecer de não chegar ou de não enviar, mesmo assim cabe alguém que tinha acesso informar o óbito ao averiguar que os vencimentos continuam sendo depositados após o falecimento.

    Espero ter ajudado.
  13. lucinha-Natal.
    05/12/2011 15:09

    Ela esta viva Roberto, só que ela estava doente eu não sabia que era alzhimer, como eu estava desenformada, a minha prima foi intruida muito bem pelos advogados da familia dela e ela fez tudo isso sem nem ao menos me pedir opinião, agora que esclareci algumas coisas que não sabia quero tomar minhas providencias.
  14. lucinha-Natal.
    05/12/2011 15:12

    Desculpa Roberto pensei que era comigo!!! kkkk
  15. Lene
    15/12/2011 02:09

    Lucinha

    Repito, o meu entendimento sobre o seu caso já dei no dia 04/12/11, agora depende de voce agir ou não.
  16. Nicolas Silva
    07/05/2014 19:07 | editado

    O CUMULO DOS ABSURDOS:
    Enquanto varias pessoas que vemos e ouvimos nos NOTICIÁRIOS de RÁDIOS e TVs que tentam e buscam seus BENEFÍCIOS ou suas APOSENTADORIAS após muitos e muitos anos de TRABALHO ÁRDUO e que em vários casos já sem SAÚDE e com a idade já bastante AVANÇADA teen esse BENEFICIO ou APOSENTADORIA NEGADOS pelo INSS, eu Conheço uma pessoa que é Funcionária Pública Federal do INSS.(Instituto Nacional de Seguridade Social) que tem esse MESMO BENEFICIO cedido pelo mesmo INSS pra TODOS OS SEUS IRMÃOS MAIORES DE 18 ANOS(ENTRE 24 E 39 ANOS de IDADE, não de TRABALHO) e até pra outros integrantes da família. agora eu tenho uma dúvida; será que todos os servidores da previdência teen esse mesmo privilegio?. isso esta certo? Será que não existe nenhum órgão de fiscalizador(CGU, AGU) que atuem, que fiscalizem nessas INSTITUIÇÕES do GOVERNO FEDERAL, COMO DENUNCIAR ESSES ABUSOS?

Participe do Fórum

Entre com seu cadastro do Jus Navigandi:

Esqueceu sua senha?

Não tem Facebook e quer participar do Fórum?

Faça perguntas, responda dúvidas e discuta assuntos jurídicos. É fácil e grátis!

JUS NAVIGANDI NAS REDES SOCIAIS