Respostas

5

  • eldo luis andrade

    eldo luis andrade

    Não há lei que garanta tal estabilidade. Pode ser que haja acordos coletivos de trabalho entre empresas e sindicatos de trabalhadores. Aí dependerá da força de cada sindicato.
    Também convenhamos que quando falta pouco tempo para aposentadoria a empresa pode achar que não é negócio economicamente demitir a pessoa, devido as indenizações que tem de pagar. Dependendo do tempo que falta para aposentadoria pode ser negócio esperar que o tempo transcorra e assim economizar na rescisão. É a única garantia geral que não depende de lei.

  • Alexandre Storni Soares

    Alexandre Storni Soares

    E se havia acordo entre a empresa e o sindicato e o INSS indeferiu a aposentadoria e anos mais tarde a justiça reconhece o direito a aposentadoria e a empresa demitiu esse tarbalhador ele pode recorrer ou seu direito prescreveu pelo tempo demorado que o INSS demorou mais o tempo que a justiça levou quem paga o INSS ou a empresa?

  • MEZCAL MOLINA

    MEZCAL MOLINA



    BOA NOITE!

    MEU AMIGO NÃO HÁ GARANTIA DE EMPREGO PARA QUEM ESTÁ PRÓXIMO A SE APOSENTAR, ESTABILIDADE DE EMPREGO SÓ EXISTE PARA QUEM RECEBE BENEFICIO DE ACIDENTE DE TRABALHO PELO INSS, QUE É DE 1 ANO, NO QUAL ELE SÓ PODERÁ SE MANDADO EMBORA APOS ESSA DATA DE 1 ANO.

    ESTAREI A DISPOSIÇÃO

    MEZCAL MOLINA.

    TEL:13-3342-84-47

  • denis eduardo dass neves

    denis eduardo dass neves

    Boa Tarde eu gostaria de saber uma coisa minha colega de trabalho tem 26 anos e 04 meses ela vai se aposentar com 28 anos existe alguma lei que ampare assegure a sua permanência na empresa meses últimos meses ou não

  • Armando

    Armando

    denis eduardo dass neves//
    "...ela vai se aposentar com 28 anos..."
    No RGPS-INSS CLT não existe estabilidade para empregado que está próximo de se aposentar. Somente existirá se houver previsão em documento coletivo da Categoria
    Poderá se aposentar e continuar trabalhando(se não houver previsão)Não será necessário comunicar ao Empregador que se aposentou. Ficará a critério da Empregadora dispensá-la e nesse caso. ela terá direito a receber todas as verbas rescisórias.
    Boa sorte
    Sds .cordiais
    Armando